Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 23 de Janeiro de 2021

Sidrolandia

Depois de denúncias, Águas e prefeitura vão firmar parceria

Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semadur) assumiu o compromisso de retomar o projeto Córrego Limpo, a partir deste mês

Correio do Estado

07 de Agosto de 2014 - 16:21

Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semadur) assumiu o compromisso de retomar o projeto Córrego Limpo, a partir deste mês.

Agora, na próxima segunda-feira (11), será firmado um termo de cooperação mútua entre a Águas Guariroba e a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur), que visa a conservação dos mananciais da Capital. A solenidade de assinatura será às 9h, em frente ao Centro e Educação Ambiental do Polonês, na Avenida Nelly Martins.

Na tarde desta quinta-feira (7), a reportagem encontrou lixo, materiais de construção e até móveis velhos jogados às margens do Córrego Anhanduí, próximo à ponte do cruzamento da Avenida Thyrson de Almeida com a Campestre, entre os bairros Aero Rancho e Jardim Centenário.

“Córrego Limpo, Cidade Viva”.

O projeto visa criar uma rede de monitoramento e divulgação da qualidade da água dos córregos, intensificar a fiscalização às fontes de poluição e promover ações de educação ambiental. Uma das principais ações é o monitoramento do índice da qualidade da água dos mananciais em 80 pontos estratégicos nas bacias do Anhanduí, Bálsamo, Bandeira, Botas-Coqueiro, Gameleira, Imbirussu, Lageado, Lagoa, Prosa e Segredo.

Periodicamente, a equipe da Águas Guariroba realiza coletas e análises das amostras de água no laboratório da Estação de Tratamento de Esgoto Los Angeles. São verificados nove parâmetros: PH, turbidez, oxigênio dissolvido, nitrogênio total, fósforo, sólidos totais, temperatura, coliformes e DBO (Demanda Bioquímica de Oxigênio).

Os resultados são encaminhados à Secretaria de Meio Ambiente, responsável por realizar o cálculo do Índice de Qualidade da Água e a classificação em ótimo, bom, regular, ruim ou péssimo.

As informações são divulgadas para toda a população em placas às margens dos córregos e no site (www.capital.ms.gov.br/meioambiente). O objetivo é chamar a atenção e sensibilizar os cidadãos da importância da participação de todos na conservação dos mananciais da cidade.