Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 6 de Dezembro de 2021

Sidrolandia

Dilma chega hoje a Assunção para a posse do novo presidente

A tensão entre o Paraguai e a Venezuela se refletiu na ausência de convite para o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, participar da solenidade de posse de Cartes.

DE BRASILIA

14 de Agosto de 2013 - 16:56

A presidenta Dilma Rousseff deve desembarcar hoje, por volta das 20h, em Assunção, no Paraguai, para participar da cerimônia de posse do presidente eleito, Horacio Cartes, marcada para amanhã. Dilma será a primeira chefe de Estado a cumprimentar Cartes e aproveitará a ocasião para reiterar o convite para o Paraguai retornar ao Mercosul e à Unasul (União de Nações Sul-Americanas).

Porém, o novo governo do Paraguai indica resistência ao ingresso da Venezuela no Mercosul e sua presidência pro tempore do bloco. Na tentativa de acabar com as divergências, integrantes do grupo examinam a possibilidade de o Paraguai assumir o comando do bloco, em dezembro, quando termina o período da Venezuela na presidência temporária.

A tensão entre o Paraguai e a Venezuela se refletiu na ausência de convite para o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, participar da solenidade de posse de Cartes.  Pelas informações da Presidência da República do Paraguai, estarão presentes na cerimônia os presidentes Dilma Rousseff, Cristina Kirchner (Argentina), José Pepe Mujica (Uruguai), Sebastián Piñera (Chile), Ollanta Humala (Peru) e Ma Ying-jeou (Taiwan). 

As cerimônias amanhã começam às 7h, com sessão solene no Congresso Nacional, à qual estará presente o atual presidente paraguaio, Federico Franco. Formalmente, os parlamentares serão chamados a participar da transmissão do poder para Cartes. Às 8h30, haverá o juramento de posse.

Após o juramento, Cartes anuncia a nomeação de sua equipe ministerial. Às 10h, haverá a cerimônia de entrega das chaves da cidade de Assunção aos presidentes estrangeiros e ao príncipe de Astúrias. Em seguida, será comemorado o aniversário de 476 anos da capital paraguaia. Às 11h15 estão previstos encontros das delegações estrangeiras com o novo presidente.

Dilma deve participar de almoço oferecido pelos paraguaios aos estrangeiros. A previsão é que ela retorne ao Brasil em seguida. Haverá ainda festa popular com espetáculos musicais em homenagem ao aniversário de Assunção.