Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 24 de Junho de 2021

Sidrolandia

Dourados tem energia para crescer 35%, sistema está recebendo R$ 32 milhões em obras

A partir de agora, a capacidade de transformação de energia no município passa de 162 para 192 MVA.

Assessoria

31 de Agosto de 2013 - 10:52

Esse horizonte de prosperidade é fruto do programa de melhoria, permanente, que a Empresa Energética de Mato Grosso do Sul, realiza para contribuir, cada vez mais, com o desenvolvimento econômico e sustentável dos municípios que fazem parte da sua área de concessão. A  exemplo do que foi planejado e realizado em muitas outras cidades, esses investimentos contemplam agora, a entrada em funcionamento da  5ª subestação de energia elétrica  de Dourados.

Com uma potencia de 30 MVA ela vai possibilitar, entre outros benefícios, que a maior cidade do interior de Mato Grosso do Sul possa ter, até mesmo do dia para a noite, um crescimentos de 35% em relação ao número atual de unidades consumidores que totaliza hoje cerca  de 81,5 mil clientes. A partir de agora, a capacidade de transformação de energia no município  passa de 162 para 192 MVA. A obra faz parte de um plano de melhoria no sistema elétrico da cidade que, até o ano que vem, custará,  à distribuidora, R$ 32 milhões, um valor mais do que necessário para manter o ritmo de desenvolvimento do município.

Citando a cidade como grande responsável por impulsionar o crescimento de Mato Grosso do Sul, o interventor da Enersul Jerson Kelman disse, nesta semana, durante a entrega da nova subestação da empresa, que Dourados cresce em ritmo chinês. Ao lado do prefeito Murilo, que descerrou a placa com o interventor e com o presidente da Câmara Idenor Machado, Jerson Kelman destacou que “atualmente o Mato Grosso do Sul cresce no consumo de energia em torno de 8% ao ano e Dourados acompanha esse desenvolvimento”. Ele completou ressaltando que os investimentos feitos pela Concessionária, vão garantir energia capaz de suportar a demanda de novas indústrias.

O prefeito Murilo destacou que a participação de Dourados nesse impulso ao desenvolvimento do Estado é muito clara e que a empresa a empresa tem acompanhado esse crescimento. “A Enersul, com certeza, tem participação ativa nesse grande momento de Dourados”, afirmou.

NOVOS INVESTIMENTOS

Visando trazer uma maior confiabilidade para sistema elétrico de Dourados, com previsão de energização em 2014, está planejada uma outra grande obra de alto investimento referente à construção de uma nova linha de distribuição em 138 kV para interligar as subestações de Dourados Maxwell e Dourados Santa Cruz. Esta obra, no valor de R$ 18,2 milhões, vai permitir que, em situações de falhas no sistema de abastecimento, haja maior flexibilidade operativa e continuidade no fornecimento de energia no município.

Soma-se a esses montantes investimentos em redes de distribuição que são realizados, anualmente, afim de  garantir o atendimento à expansão de mercado em média e baixa tensão, assim como os padrões de qualidade do fornecimento. Essa é uma prioridade que a Enersul atende para dar seqüência aos processos de melhoria contínua, necessária ao desenvolvimento das 74 cidades que compõe sua a área de atendimento  e ao estado de Mato Grosso do Sul.