Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 23 de Julho de 2021

Sidrolandia

Em Glória: Seds constrói nova mangueira de leilão de gado

Demerval Nogueira

02 de Março de 2011 - 10:47

Em Glória: Seds constrói nova mangueira de leilão de gado
As madeiras serviveis serao utilizadas em outras obras - Foto: Demerval Nogueira

A Prefeitura de Glória de Dourados, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Seds) demoliu a velha mangueira de leilão de gado e iniciou a construção de uma nova e mais adequada para os tempos atuais. O secretário municipal da Seds, Magner de Paula Maninho Ribeiro disse que a velha mangueira de leilão de gado além de estar com suas madeiras estragadas e parte apodrecidas, também não atendia mais as necessidades exigidas.

A mangueira nova terá dimensões maiores que a antiga, porem está sendo construído mais ao fundo, com madeiras nobres e selecionadas. O secretário da Seds salienta, “nós vamos empregar todos os esforços na construção desta benfeitoria, mesmo porque no dia 20 de março acontecerá neste local, o leilão de gado do Lar do Idoso, que utilizam essas instalações”, define Maninho. O Departamento Municipal de Fomento Agropecuário (Defap) é o local que abriga o maior evento do município, a Exposição Agropecuária e Industrial que acontece no final do mês de abril e início de maio, alusivos às festividades do aniversário do município, 2 de maio.

Além da construção de uma nova mangueira de gado, outros inúmeros serviços, como as aparas de árvores, reestruturação da horta comunitária, limpeza geral do Parque de Exposição, construções de novas obras de infraestrutura interna além de reformas e pinturas que brevemente serão colocadas em prática visando à realização da próxima Expoglória. Maninho dimensiona que inúmeros serviços já foram realizados no Parque de Exposição, entretanto os mais necessários e mais difíceis ainda estão por vir.

Maninho comentou também sobre a idéia de construir a mangueira de leilão mais afastada. “Nós pretendemos, com a construção da obra mais recuada, posteriormente elaborarmos um projeto de plantio de eucalipto na área da antiga, desta forma além de colaborarmos com o meio ambiente e o ecossistema, ainda poderemos utilizar o espaço na condição de área de lazer e estacionamento veicular, num curto espaço de tempo, tendo em vista que o eucalipto evolui rapidamente em seu crescimento”.