Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 30 de Novembro de 2021

Sidrolandia

Em Porto Murtinho, Longen inaugura biblioteca, abre curso e assina convênio com a Prefeitura

O presidente da Fiems destacou a chegada do Sistema Indústria ao município com serviços e ações de qualificação profissional

Daniel Pedra/Assessoria

09 de Setembro de 2013 - 15:29

Durante visita a Porto Murtinho nesta segunda-feira (09/09), o presidente da Fiems, Sérgio Longen, e o prefeito de Porto Murtinho, Heitor Miranda dos Santos, inauguraram a 32ª Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Sesi em Mato Grosso do Sul, que foi construída na Rua Coronel Ponce, no centro da cidade. Além disso, a cerimônia também serviu para a abertura do curso gratuito de pintor de obras oferecido pelo Senai em parceria com a Prefeitura Municipal e para a assinatura do convênio de encaminhamento de estagiários pelo IEL à Prefeitura.

"Esses são alguns exemplos do trabalho que estamos realizando nos municípios do Estado para contribuir com a regionalização do processo de industrialização sul-mato-grossense. Nesse sentido, iniciamos neste ano a implantação do PDR (Programa de Desenvolvimento Regional), que, até agora, já recebeu a adesão de 12 prefeituras. Esperamos que Porto Murtinho também faça parte do PDR para que possa continuar sendo beneficiado pelas ações e serviços do Sesi, Senai e IEL", disse Sérgio Longen.

Ele destacou que, nos últimos cinco anos, já foram entregues 32 Bibliotecas da Indústria do Conhecimento do Sesi em 28 cidades do Estado - Campo Grande (3), Três Lagoas (2), Dourados (2), Corumbá, São Gabriel do Oeste, Sidrolândia, Aquidauana, Ponta Porã, Ribas do Rio Pardo, Rio Verde, Naviraí, Nova Andradina, Costa Rica, Iguatemi, Bataguassu, Rio Brilhante, Maracaju, Inocência, Paranaíba, Chapadão do Sul, Amambai, Sete Quedas, Aral Moreira, Aparecida do Taboado, Água Clara, Terenos, Cassilândia e Porto Murtinho - e estão em construção unidades em Coxim, Caracol e Brasilândia. "Nos próximos dias, vamos lançar mais 5 bibliotecas, das quais 4 já definimos que serão nas cidades de Nioaque, Antônio João, Bela Vista e Jardim, totalizando 40 unidades em 36 municípios até o fim deste ano", informou.

Repercussão

O prefeito de Porto Murtinho, Heitor Miranda dos Santos, destacou que as ações desenvolvidas pelo Sistema Indústria nos municípios de toda região têm contribuído significativamente com o trabalho das prefeituras no sentido de desenvolver e melhorar a vida das pessoas. "O trabalho desenvolvido pelo presidente Sérgio Longen é motivo de muita satisfação para nós, pois ele compreende que só existe progresso com a qualificação profissional, que contribui para elevar a autoestima da população. A Biblioteca do Sesi chega à cidade como um construtor de pensamento, um meio de desenvolver a capacidade e alavancar o desenvolvimento", pontuou.

Já o deputado estadual Paulo Corrêa, presidente da Comissão de Turismo, Indústria e Comércio da Assembleia Legislativa, afirma que a parceria com o Sistema Fiems está fazendo história nos municípios da região sudoeste do Estado e hoje marca mais uma importante ação que, além de oferecer conhecimento, oferece qualificação profissional para os moradores de Porto Murtinho. "Ao inaugurar mais uma unidade da Indústria do Conhecimento do Sesi, a Fiems cria condições de capacitar as pessoas", falou.

O presidente da Câmara de Vereadores de Porto Murtinho, vereador Marco Andrei Guimarães, destacou que a o legislativo municipal se empenhou em agilizar a aprovação do termo de doação do terreno para a biblioteca por entender que a iniciativa traz estímulo e fortalece a vontade do jovem de buscar conhecimento. "É através do conhecimento que podemos oferecer um futuro melhor para essa geração, é fazer com que sonhos tornem-se realidade para transformar a vida da população para melhor", declarou.

Cursos de qualificação

O presidente da Fiems reforçou que a biblioteca será um espaço de formação profissional, oferecendo todas as condições para que as pessoas possam fazer os cursos de EaD (Educação a Distância) disponibilizados pelo Senai e os cursos de Educação Continuada do Sesi. "Nesta segunda-feira, iniciamos duas turmas do curso gratuito de pintor de obras oferecido pelo Senai em parceria com a Prefeitura, totalizando 40 vagas. As aulas serão no Cras (Centro de Referência de Assistência Social) nos períodos vespertino e noturno. Até o fim ano, no âmbito do Senai Educa, serão oferecidos em Porto Murtinho mais 40 vagas nos cursos gratuitos de encanador e instalador predial", destacou.

Sérgio Longen acrescenta que as secretarias municipais de Educação e Assistencial Social de Porto Murtinho vão fazer o cadastro de interessados em realizar os cursos do Senai. "Entendemos que o grande gargalo do setor industrial atualmente é a falta de mão de obra qualificada e nossa meta é promover esse enfrentamento desse problema para desenvolvermos o nosso Estado", disse, acrescentando que outra ação a ser colocada em prática é o funcionamento do porto do município. "Trata-se de um esforço conjunto do setor empresarial, Fiems, Assembleia e o Governo do Estado para trazer mais um avanço não só para o município, como para o desenvolvimento do todo o Estado", pontuou.

População

Oportunidade é a palavra chave para descrever a satisfação de receber uma obra dessa magnitude no município, além de ser considerada por muitos como um presente para a população. Esse é o caso da professora de educação infantil Gisele Vieira Froes, 48 anos. "A chegada da biblioteca do Sesi vai beneficiar principalmente aqueles alunos que não tem estrutura em casa, mas que terão a oportunidade de utilizar o espaço para fazer pesquisas e desenvolver os trabalhos que passamos em sala", disse.

Já a professora Fátima Vidotte, 60 anos, conta que a biblioteca era um anseio antigo da população que hoje vive um momento de festa. "Com certeza, é um diferencial para a sociedade com a oportunidade de ter acesso a internet, além das opções de cursos", comentou. A estudante Thais Cordeito Ian, 13 anos, foi uma das ganhadoras no sorteio de bicicletas realizado pelo Sesi entre as pessoas presentes à cerimônia de inauguração da biblioteca.

Ela conta que não esperava ganhar. "Foi uma boa surpresa, porque foi um presente pra mim. Além de ter a bicicleta, ainda vou poder usar esse espaço para fazer os trabalhos de escola", celebrou. A estudante Débora Ruiz, 11 anos, que foi outra ganhadora da bicicleta, disse que aprendeu a andar de bicicleta há pouco tempo e já quer estrear o presente. "Estou muito feliz com o prêmio e com essa nova biblioteca que vai me proporcionar boas leituras", disse.