Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 17 de Maio de 2021

Sidrolandia

Empreiteira retoma obras no Petrópolis e constrói dissipador para reduzir velocidade da enxurrada

O serviço iniciado em novembro já teve avanço significativo, com a construção de 300 dos 700 metros de tubulação.

Flávio Paes/Região News

09 de Fevereiro de 2017 - 09:53

Depois de aproximadamente 30 dias de paralisação, por conta de férias coletivas, foram retomadas no início da semana as obras de drenagem para controle de enchentes na região do Bairro Cascatinha. O serviço iniciado em novembro já teve avanço significativo, com a construção de 300 dos 700 metros de tubulação previstos ao longo da Rua Hélio Martins Coelho, Jardim Petrópolis.

Os operários neste momento estão trabalhando na construção de um dissipador de energia, um conjunto de escadarias feito dentro de uma galeria s para reduzir a velocidade da enxurrada antes de desaguar na nascente do Córrego Cortado, que funcionará como um piscinão (bacia de retenção)..

Foto: Reginaldo Mello/Região News

Empreiteira retoma obras no Petrópolis e constrói dissipador para reduzir velocidade da enxurrada

O Governo do Estado está investindo R$ 1,1 milhão na obra que deve ficar pronta até maio. O projeto prevê um sistema de drenagem ao longo de toda a extensão da Rua Hélio Martins Coelho (desde o prolongamento da Rua Ponta Porã).

Esta tubulação vai captar e escoar a enxurrada que desce do Cascatinha, passa por uma boca de lobo em frente do Supermercado Serve Bem e hoje alaga casas situadas na Vila Tereré, especialmente no prolongamento das ruas Mato Grosso e Espírito Santo. 

O Governo do Estado teve de executar esta obra pressionado pela ação judicial por danos ambientais numa propriedade de 1,2 hectares. A chácara ficou retalhada pela erosão que começou a se formar porque passou a receber a enxurrada que desce do Cascatinha desde a pavimentação da MS-162 (trecho entre Sidrolândia/Quebra Coco).