Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 25 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Falece vereador de Amambai Anderson Mansano

Anderson Mansano é irmão do ex-prefeito de Amambai e ex-deputado estadual, Anílson Rodrigues de Souza, o "Prego", que também é vereador em Amambai

conesulnews

09 de Fevereiro de 2011 - 08:44

Faleceu na noite de terça-feira (08), o vereador de Amambai, Anderson Rodrigues de Souza Mansano, de 48 anos, conhecido como “Anderson Mansano” (PR).

Mansano, que era natural de Nova Esperança, no Paraná, estava em seu terceiro mandato como vereador em Amambai, onde presidiu por duas vezes a Câmara local. Ele faleceu em um hospital em Amambai, onde havia dado entrada após passar mal. Anderson enfrentava um câncer.

Mansano estava afastado dos trabalhos na Câmara para tratamento de saúde desde o ano passado e seu corpo está sendo velado no Plenário Lourino de Jesus Albuquerque, na Câmara de Amambai. O prefeito do município, Dirceu Lanzarini, que é do mesmo partido de Mansano, o Partido da República, decretou luto oficial no município por três dias.

Com a ausência do vereador, quem havia assumido seu lugar no Legislativo Municipal foi o primeiro suplente da coligação pela qual Mansano foi eleito, o agora vereador Robertino Dias, do PSDB.

Anderson Mansano é irmão do ex-prefeito de Amambai e ex-deputado estadual, Anílson Rodrigues de Souza, o "Prego", que também é vereador em Amambai.

Anderson Mansano:

Na época de ouro do motocross na cidade de Amambai em 1.984, quando as provas eram disputadas na pista do Caiuás, saida para Coronel Sapucaia, Mansano participou de várias corridas de motocicleta, sempre com a sua XLX 250 cc branca e vermelha.

Neste mesmo periodo foi goleiro da equipe da Associação Atlética Milionários, ganhando vários titulos de campeão amador da cidade.

Durante a realização do campeonato Inter-Vilas, alem de ceder o campo que tem em sua propriedade, tambem defendeu as cores da Vila Masano, onde sagrou-se campeão por duas vezes consecutivas, sendo em várias oportunidades o goleiro menos vazado.

Na eleição de 1.996, foi candidato a vice-prefeito, na chapa encabeçada pelo ex-prefeito Geraldo Felipe Correia, pelo antigo Partido Liberal (PL), hoje Partido da República (PR).

Foi goleiro das equipes do Supermercado Ki Carne, Lojas Botafogo, Madeireira Ipanema e da Justiça do Trabalho, onde conquistou vários títulos da Copa Radiojornal de futsal.

Foi goleiro da Seleção de Amambai de futsal por vários anos, sendo que em 1.996 ficou em terceiro lugar na melhor competição do salonismo no estado.

Por onde passou cultivou amigos, tanto no esporte como na política, em todos os lugares sempre estava lá com um grande sorriso e sempre fazendo uma brincadeira com os presentes.

Assumiu uma cadeira na Câmara de Amambai em 2.002, com a morte do vereador 'Miro'; em 2.004 foi reeleito com uma grande votação, conseguindo o seu terceiro mandado de vereador em 2.008.

O sepultamento deverá ocorrer no final da tarde no cemitério municipal de Amambai.