Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 22 de Outubro de 2020

Sidrolandia

Família pede ajuda para comprar leite que custa R$ 170 a lata

Laudicéia explicou que Josué recebeu alta há um mês e desde então, a família passa dificuldades por causa do alto custo da lata do leite

Correio do Estado

10 de Julho de 2014 - 16:47

A família do bebê Josué Jaques da Silva de apenas 5 meses precisa de doações de lata de leite Neocate, que custa R$ 170 e alimenta a criança durante quatro dias.

Segundo a mãe do menino, Laudicéia Simões da Silva, 25 anos, o bebê nasceu prematuro, de 28 semanas e pesando 850 gramas. Josué não aceitou o leite materno e os médicos constataram um problema enzimático, chamado acidúria glutárica tipo 1.

Laudicéia explicou que Josué recebeu alta há um mês e desde então, a família passa dificuldades por causa do alto custo da lata do leite. “A lata durava um mês, mas Josué tem hipoglicemia. Agora precisa fazer dieta e tomar o leite de 2 em 2 horas e a lata passou a durar só 4 dias”, lamentou a mãe.

Josué pesa três quilos e está com cinco meses.

Para ajudar basta entrar em contato com Laudicéia pelo telefone celular (67) 9256-0828 ou levar a lata de leite Neocate até a Rua Travessa Ingo, 77, no Bairro Santa Emília, em Campo Grande (MS). Também é possível doar qualquer quantia em dinheiro na conta poupança de número 0615013, agência 00001474-0, Caixa Econômica Federal. A conta está em nome do pai do bebê, Joel Jaques Julio.