Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 29 de Novembro de 2020

Sidrolandia

Famílias acampadas começam a erguer barracos de alvenaria

Moradores disseram que adotaram tal postura para que pudessem garantir seu pedaço de chão, sendo possivelmente incluídos em projetos habitacionais

Dourados Agora

07 de Fevereiro de 2014 - 10:45

As famílias que estão acampadas em uma área privada que fica ao lado de um terreno público invadido no Jardim Clímax, em Dourados, vão ficando cada vez mais à vontade enquanto aguardam um desfecho para o caso.

Ontem, a equipe de reportagem flagrou moradores erguendo ‘barracos’ de alvenaria no terreno particular que pode ser retirado do proprietário por causa de dívidas junto ao poder público.

Moradores disseram que adotaram tal postura para que pudessem garantir seu pedaço de chão, sendo possivelmente incluídos em projetos habitacionais. Em outra área invadida da região, no Parque do Lago, algumas pessoas fizeram gatos de energia elétrica para que pudessem ter luz durante a noite.

A onda de ocupações teve início em janeiro, quando desabrigados invadiram um terreno onde as obras do conjunto residencial Estrela Guassu, de casa populares, estavam paradas por causa de problemas financeiros da empreiteira. Para este caso, a prefeitura prometeu intervir enquanto a Justiça determinava reintegração de posse. Até o momento as famílias não foram notificadas para sair.

O episódio chamou a atenção de outras pessoas que ‘sem espaço’ no ponto principal, passaram a se instalar terrenos próximos, também na expectativa de serem atendidas pela prefeitura. As famílias alegam que não têm condições de pagar aluguel e por isso, necessitam com urgência de uma moradia.