Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 2 de Dezembro de 2021

Sidrolandia

Fazendeiro faz acordo com indígenas e retira parte do gado da fazenda Esperança

Por intermédio do MPF (Ministério Público Federal) o proprietário Nilton Carvalho fez um acordo com os índios

Campo Grande News

16 de Julho de 2013 - 08:39

Parte do gado da fazenda Esperança, em Aquidauana, ocupada por indígenas da etnia terena, começará a ser retirado na manhã desta terça-feira (16). Por intermédio do MPF (Ministério Público Federal) o proprietário Nilton Carvalho fez um acordo com os índios.

Na propriedade são cerca de 2 mil cabeças de gado. A retirada levará pelo menos 15 dias, de acordo com o advogado do dono fazenda, Sergio Muritiba. Segundo ele, as negociações começaram na última sexta-feira.

“Ele (Nilton) está retirando o gado porque precisa sobreviver”, afirma o advogado.

No início do mês o presidente do TRF3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região), desembargador federal Newton De Lucca, suspendeu a reintegração de posse da fazenda com objetivo de evitar um novo conflito entre a Polícia e os indígenas, como ocorre na fazenda Buriti, em Sidrolândia.

O proprietário da fazenda cogitou entrar com mandado de segurança no STF (Supremo Tribunal Federal) para que a reintegração de posse fosse cumprida, porém de acordo com Muritiba, novas ações serão providenciadas após mais uma reunião do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) em Campo Grande marcada para o dia 5 de agosto. Os indígenas ocupam a fazenda há 45 dias.