Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 28 de Janeiro de 2022

Sidrolandia

Funai apura ocupação indígena em fazendas de Japorã, MS

Silva confirma que a fazenda de Fernandes foi ocupada na segunda, mas disse que não tinha informações da retirada dos guarany-kaiwá e sobre a nova ocupação

G1 MS

28 de Outubro de 2013 - 15:29

A Fundação Nacional do Índio (Funai) enviou equipes até uma área em Japorã, a 477 km de Campo Grande, após receber informações de ocupação em duas propriedades durante a noite de sábado (26), segundo informou ao G1 o coordenador regional do órgão no local, Sílvio Raimundo da Silva.Segundo ele, há diversas fazendas ocupadas na região.

O produtor rural Pedro Fernandes, 60 anos, disse ao G1 que os indígenas entraram em sua propriedade na segunda-feira (21), durante a semana acabaram saindo e retornaram no sábado, deixando ele e funcionários ilhados na sede. “Ninguém entra ou sai”, relata.

Silva confirma que a fazenda de Fernandes foi ocupada na segunda, mas disse que não tinha informações da retirada dos guarany-kaiwá e sobre a nova ocupação. As equipes que estão a caminho da região, segundo ele, deverão apurar a situação.

De acordo com o produtor rural, a propriedade dele tem  2,5 mil cabeças de gado distribuídos em 1,9 mil hectares. Fernandes diz que não se importa em ceder as terras para os indígenas, desde que seja ressarcido por isso. “Aceitamos abrir mão, desde que paguem por elas. Não queremos confronto”, conclui.

Conforme Silva, a fazenda de Fernandes e várias outras na região fazem parte de uma área que os índios chamam deYby Katu e reivindicam.