Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 11 de Agosto de 2022

Sidrolandia

Funcionários dos Correios param por 24 horas em protesto contra assédio moral

Segundo ela, a paralisação será de 24 horas, “Infelizmente, a situação chegou num ponto insuportável para os trabalhadores”.

Campo Grande News

07 de Outubro de 2015 - 16:29

Funcionários do Centro de Distribuição Domiciliária dos Correios em Ponta Porã, fazem nesta quarta-feira (7) uma paralisação de 24 horas em protesto contra assédio moral e por melhores condições de trabalho.

De acordo com Sintect-MS (Sindicato dos Trabalhadores nos Correios de Mato Grosso do Sul), os servidores reclamam da sobrecarga de trabalho, efetivo de funcionários insuficiente e forma de tratamento abusiva.

Elaine Oliveira, presidente do Sintect-MS, afirmou, em nota distribuída pela assessoria, que a paralisação se deve à intransigência da chefia local em negociar as demandas dos funcionários de Ponta Porã por melhores condições de trabalho e pedem mudança na forma de tratamento.

“Os carteiros estão revoltados com a forma como são tratados e o sindicato já acionou a assessoria jurídica para elaborar a ação judicial por assédio moral”, afirma Elaine. Segundo ela, a paralisação será de 24 horas, “Infelizmente, a situação chegou num ponto insuportável para os trabalhadores”.