Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 24 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Índios de Dourados participam de capacitações para aumentar produção de alimentos

Segundo a agente em indigenismo da Funai, Luciana Ribeiro, os trabalhos em ambas as terras está começando a se voltar para o cultivo orgânico.

Dourados News

27 de Julho de 2013 - 08:24

Um grupo com 16 índios das aldeias Bororó e Jaguapiru, de Dourados, esteve presente na tarde desta sexta-feira (26) no Pavilhão de Eventos Dom Teodardo Leitz, durante o Fórum Regional de Desenvolvimento, na cidade, para participar de capacitações sobre o plantio de mandioca e a horta orgânica.

Segundo a agente em indigenismo da Funai, Luciana Ribeiro, os trabalhos em ambas as terras está começando a se voltar para o cultivo orgânico. Para ela, estas capacitações são importantes para orientá-los ainda mais. “Desta forma, os indígenas mantêm a tradição de produzir o próprio alimento e ainda garantem renda; com segurança alimentar”, destaca.

Edite Martins, de 58 anos, que sempre viveu na comunidade, cultivando principalmente mandioca, abacaxi e banana, afirma ter adquirido mais conhecimento sobre o plantio de orgânicos. “Tenho certeza de que não só eu, como todos nós gostamos do dia de hoje”, diz.

Durante dois dias, o Fórum Regional de Desenvolvimento – Circuito Centro Sul – levou a Dourados palestras de Inovação, produção no campo, dicas para melhorar a empresa, eficiência enérgica, gestão e logística, além de talk show sobre empreendedorismo feminino, Mostra de Franquias, Rodada de Negócios, Espaço Qualidade de Vida; entre outras atividades direcionadas à agricultura familiar, indústria, comércio, serviço e construção civil.

Realizam o evento Sebrae, Sistema Fiems, Sistema Fecomércio, Sistema Famasul, Sest Senat e Sistema OCB/MS; com apoio da ABF (Associação Brasileira de Franchising); Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul); Associação Comercial e Empresarial de Dourados (ACED); Aurélio Luz Franchising & Varejo; Banco do Brasil; Caixa Econômica Federal; Cia de Franchising; Escola do Legislativo/Câmara Municipal de Campo Grande; Governo Federal/Controladoria Geral da União; Instituto Tomodati; SMTZO Holding de Franquias; Shopping Avenida Center; TCE/MS; Unigran (Universidade da Grande Dourados); UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul); UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados); e Prefeitura Municipal de Dourados