Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 4 de Dezembro de 2021

Sidrolandia

Instituto alemão e Senai debatem sobre a utilização da biomassa

O tema foi tratado nesta quarta-feira (14/08) como parte da programação do Workshop Tecnológico de Implantação do Instituto de Inovação em Três Lagoas

Daniel Pedra/Assessoria

14 de Agosto de 2013 - 13:49

No âmbito do Workshop Tecnológico de Implantação do Instituto Senai de Inovação em Biomassa, que será construído em Três Lagoas (MS), equipe do Senai e consultores do Instituto Fraunhofer, de Frankfurt (Alemanha), reuniram-se, nesta quarta-feira (14/08), no Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande (MS), para tratar da utilização da biomassa, as exigências tecnológicas para as áreas estratégicas de negócios, diferentes segmentos de mercado e os investimentos necessários.

Durante o Workshop, que teve início ontem (13/08) e segue até sexta-feira (16/08), foi feita uma apresentação pelo consultor do Fraunhofer, Tim Schulzke, que detalhou os desafios para a utilização de biomassa. “A ocorrência de biomassa é distribuída espacialmente e resulta em alto custo para o abastecimento logístico, matéria-prima barata de recursos, mas de alto custo para a coleta, armazenamento e transporte”, afirmou.

Ele acrescenta que a disponibilidade de biomassa depende do clima e pode ser restrito a períodos de safra curta. Tim Schulzke abordou ainda uma visão geral das vias de utilização de biomassa, que pode ser utilizada para energia no processo de calor e energia elétrica, além da biomassa para combustíveis de transporte e produtos químicos, biomassa para materiais (construção, isolamento térmico, têxteis) e ainda a biomassa para alimentação (alimentos e forragens).

O diretor técnico do Senai, Dax Goulart, destacou a importância do Instituto Senai de Inovação em Biomassa e disse que o objetivo é oferecer apoio à competitividade da indústria sul-mato-grossense e brasileira, aumentando a oferta de formação profissional, de serviços técnicos e tecnológicos e de pesquisas em inovação para a indústria. "A intenção é levar às indústrias a pesquisa aplicada em inovações em todas as linhas de pesquisa demandadas na biomassa", declarou.