Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 21 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Jean Nazareth, Waldemar Acosta, Di Cezar e Galdino, irão tomar posse hoje

Os novos membros deverão assumir seus respectivos cargos a partir de janeiro de 2011

Marcos Tomé/Região News

17 de Dezembro de 2010 - 00:41

A nova Mesa Diretora da Câmara Municipal de Sidrolândia irão tomar posso hoje às 11 horas de seus respectivos cargos para o exercício 2011/2012. Após 48 horas do ato de votação, novos membros serão empossados. Informações dão conta de que poderá haver manifestação popular em protesto aos vereadores que optaram pelo voto contrário da chapa apresentada por Fiúza.

Jean Nazareth (PT) será empossado no cargo de presidente, Di Cezar (PSDB) vice-presidente, Waldemar Acosta (PDT) primeiro secretário e Antonio Galdino (PDT) segundo secretário. Esta formação diverge da apresentada pelo chefe do executivo que tinha chapa encabeçada por Roberta Stefanello (PMDB), Jean Nazareth, vice-presidente, Professor Tadeu, primeiro secretário e Jonas Rodrigues, segundo secretário.

O prefeito interpretou a vitória de Jean Nazareth para a presidência da Câmara como traição e reagiu com exoneração. Foram demitidos: Secretário de Administração, Paulo Atílio; de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, Eliane Salvati e de Assistência Social, Marcio Marqueti, todos da cota do PT. Já o PDT perdeu a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Rosimeire Aparecida Garcia e a Secretaria de Infraestrutura, do Secretário Coronel Cesar Wilson dos Santos.

Após reuniões e muitas discussões sobre o caso, Daltro Fiúza bem como, parlamentares envolvidos temem a opinião pública já desde que tanto o prefeito como os nobres edis, deverão sair em busca do voto em 2012. Retaliações e demissões enfraqueceram o álibi de Fiúza que sempre pregou liberdade em suas campanhas.

Por outro lado, mesmo sendo legítimo o direito de escolha e voto, os vereadores que protagonizaram o fato estão sendo considerados traidores pelo grupo de sustentabilidade política a Fiúza.

Os novos membros deverão assumir seus respectivos cargos a partir de janeiro de 2011.