Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 26 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Justiça arquiva investigação de boato sobre fim do Bolsa Família

O arquivamento do inquérito foi informado ontem pelo TJDFT (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios) em sua página na internet.

Agência Brasil

22 de Julho de 2013 - 11:00

O 3º Juizado Especial Criminal de Brasília determinou o arquivamento da investigação que apurava a autoria de boato, nos dias 18 e 19 de maio, sobre o fim do Programa Bolsa Família.  O arquivamento do inquérito foi informado ontem pelo TJDFT (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios) em sua página na internet.

Segundo o tribunal, o arquivamento da investigação do boato, que “teria ocasionado prejuízo à Caixa Econômica (Federal), bem como pânico e tumulto em todo o país”, foi pedido pelo Ministério Público por não identificar "nenhuma comprovação idônea e adequada de que o crime em investigação tenha sido praticado".

Para o arquivamento do inquérito, o juizado destacou o relatório produzido pela Polícia Federal, divulgado no dia 12 de julho, que também concluiu pela inexistência de elementos que possam configurar crime e até mesmo que uma pessoa ou grupo tenha causado o boato.

Durante evento realizado na última quinta-feira, em Fortaleza (CE), a presidenta Dilma Rousseff disse que as investigações da Polícia Federal não deram uma explicação conclusiva sobre o caso e reforçou que o Bolsa Família será mantido enquanto houver pessoas que necessitem dele, sendo um compromisso de seu governo.