Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 1 de Dezembro de 2021

Sidrolandia

Lixão” de Deodápolis começa a receber manutenção

Ainda nesta semana o Vereador Manoel da Paz postou em sua página no Facebook uma declaração sobre o “Lixão” de Deodápolis e parabenizou a Gerente pela atuação.

Assessoria da Prefeitura

07 de Outubro de 2013 - 13:22

Na manhã desta segunda (07/10) a Gerente de Meio Ambiente, Solange Anselmo, juntamente com a sua equipe e o Vereador Juninho Anselmo, estiveram visitando o “Lixão” de Deodápolis que fica nas proximidades da MS 145 na 12º linha. No local uma pá carregadeira já deu inicio a manutenção que foi solicitada pela Gerente de Meio Ambiente ao executivo e que visa atender a uma TAC (Termo de ajuste de conduta) que foi assinada pelo ex-prefeito do município, mas que segundo a Gerente não foi cumprida.

Para Solange Anselmo, o descumprimento da referida TAC mostra que Deodápolis ficou sem gestão nos últimos oito anos frente aos projetos relacionados ao Meio Ambiente, tal qual como o do “Lixão”. “Na ultima gestão, foi assinada uma TAC em nossa cidade que previa a correta manutenção e a correção do solo degradado pelo lixão em nosso município, porem nenhum dos termos da TAC foram cumpridos pelo ex-prefeito. Em nossa gestão estamos trabalhando para que toda a regulamentação da TAC seja obedecida, por isso demos inicio a manutenção do lixão em parceria com a Gerencia de Obras!” destacou Solange.

Ainda segundo a Gerente de Meio Ambiente a TAC firmada entre o Ministério Publico e o Município na gestão do ex-prefeito, previa ainda a implantação da coleta seletiva do lixo; a criação de uma Cooperativa de Catadores; a manutenção do lixão e a adequação de Deodápolis frente a inclusão do município no consorcio que prevê a construção de um aterro sanitário em Glória de Dourados.

“Existe uma notificação do IMASUL que solicita a recuperação do solo degradado e estamos nos esforçando ao máximo para cumprir todos estes compromissos. O nosso objetivo é atender a lei 12305/2010 que é a lei dos resíduos sólidos e que nunca foi aplicada em nossa cidade. Na ultima semana fomos a Glória de Dourados para acompanhar as obras do aterro sanitário que esta sendo construído através do consórcio ao qual Deodápolis faz parte!” frisou a Gerente.

Ao finalizar a mesma ainda afirmou que o plano de recuperação do solo não pode ser realizado neste ano por falta de orçamento, porem o projeto, segundo a Gerente, devera ser incluso ainda no primeiro semestre de 2014. “O nosso projeto é recuperar toda aquela área ainda no primeiro semestre do ano que vem!” ressaltou Solange. O local tem uma área aproximada de 300x300 metros quadrados.

Ainda nesta semana o Vereador Manoel da Paz postou em sua página no Facebook uma declaração sobre o “Lixão” de Deodápolis e parabenizou a Gerente pela atuação. “Parabéns à Gerência do meio ambiente, Parabéns aos serventuários e alunos da Escola Polo. Seria importante que, antes de levar os alunos para conhecer o aterro sanitário que está sendo construído em Glória de Dourados, levassem para conhecer o "lixão" do nosso município situado na 12 linha poente à beira da rodovia. Alí se vê um verdadeiro absurdo, um crime ambiental, um crime contra a saúde pública, que se não pode ser resolvido, poderia ao menos ser amenizado!” destacou Manoel da Paz.

Ainda na mesma postagem a Gerente destacou o trabalho da Câmara Municipal e se colocou a disposição para eventuais sugestões. “Concordo vereador com a sua colocação. Realmente é um crime ambiental esses lixões, só no Brasil são mais de 2900 lixões (dados do IBGE). Existe até um TAC que o ex-prefeito assinou junto ao Ministério Público, com projeto de recuperação da área do lixão, construção de aterro sanitário no nosso município, implantação de coleta seletiva, entre outros, porém não foi cumprido! A algum tempo estou solicitando uma máquina para entrar naquele lixão e dar uma amenizada no problema, contratempos ocorreram e nessa próxima semana estará sendo providenciada uma manutenção no local.

O PRAD será elaborado somente com o orçamento do próximo ano. Acredito que conseguiremos sim alcançar as nossas metas com relação a lei 12.305/10. Um abraço e qualquer dúvida vereador pode nos procurar!” postou Solange Anselmo em sua página do Facebook.