Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 20 de Julho de 2024

Sidrolandia

Longen visita indústrias de Sidrolândia e ouve reivindicações do setor

Sérgio Longen reforçou junto aos representantes das duas indústrias que o objetivo do Sistema Fiems é reduzir do gargalo da falta de mão de obra qualificada

Daniel Pedra/Região News

19 de Setembro de 2012 - 13:54

Foto: Marcos Tomé/Região News

fiems

Prefeito Daltro Fiuza acompanha delegação da Fiems durante visita as industrias fabris de Sidrolândia

Durante visita ao município de Sidrolândia (MS) no fim da tarde de ontem (18/09), o presidente da Fiems, Sérgio Longen, foi até as unidades fabris das indústrias Tip Top e Via Blumenau, localizadas na rodovia MS-060, na saída para Campo Grande (MS), para conhecer a linha de produção das duas empresas do vestuário e ouvir as reivindicações do setor na cidade junto ao Sesi, Senai e IEL. Na oportunidade, ele anunciou o início dos estudos para a implantação de uma unidade do Sesi no município, que se integrará à Agência de Formação Profissional do Senai já em operação, já a partir do próximo ano.

Sérgio Longen reforçou junto aos representantes das duas indústrias que o objetivo do Sistema Fiems é reduzir do gargalo da falta de mão de obra qualificada, oferecendo total apoio às empresas instaladas em todas as regiões de Mato Grosso do Sul. “Nós já atendemos as indústrias do município, por meio da agência do Senai, que tem contribuído decisivamente para a formação de trabalhadores. Além disso, o Sesi também se faz presente com serviços disponbilizados pela unidade de Campo Grande, mas, a nossa intenção, com o crescimento industrial da cidade, é contar com uma unidade fixa aqui”, informou.

Para o gerente-adminitrativo da Tip Top em Sidrolândia, Jeferson Araújo, é importante essa preocupação do Sistema Fiems com as nececissades das indústrias instaladas no interior do Estado. “Nós precisamos dessa parcercia com o Sesi, Senai e IEL para nos mantermos competitivos no mercado. A partir do momento em que o presidente da Fiems vem até a nossa fábrica conhecer a nossa realidade, demonstra a preocupação dele com os nossos problemas. Precisamos da orientação da Fiems e com certeza se for implantada uma unidade do Sesi na cidade vai contribuir em muito”, avaliou, informando que hoje a fábrica tem 260 funcionários e produz 120 mil peças por mês de moda praia.

Já o gerente-geral da fábrica da Via Blumenau em Sidrolândia, Valdir Buzzi, reforçou que o Senai já tem contribuído com a formação profissional dos funcionários da indústria e o anúncio de uma unidade do Sesi para o município será um reforço dessa parceria. “A nossa indústria e os nossos funcionários só têm a ganhar com essa possibilidade. Hoje, o Senai já é um grande parceiro no treinamento dos nossos principais profissionais e, com certeza, a vinda dessa unidade deve fortalecer ainda mais esse apoio que recebemos do Sistema Fiems”, disse, lembrando que a empresa tem 200 funcionários e produz por mês 3 mil peças de lingerie.

Também acompanharam o presidente da Fiems na visita às duas fábricas o prefeito de Sidrolândia, Daltro Fiuza, o deputado estadual Paulo Corrêa, o presidente do Sindivest/MS, José Francisco Veloso, o presidente do Sicadems, Ivo Scarcelli, o diretor-corporativo da Fiems, Jaime Verruck, o diretor-regional do Senai, Jesner Escandolhero, o superintentende do Sesi, Michael Gorski, e o superintendente do Sebrae/MS, Cláudio Mendonça.