Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 5 de Maio de 2021

Sidrolandia

Moradores e comerciantes da Rua Generoso Ponce voltam a sofrer com alagamento

Os problemas não chegaram na parte mais baixa, no Sidrolar, porque foi aberta uma boca de lobo no final da Tomas da Silva França, que reduziu a velocidade da enxurrada.

Flávio Paes/Região News

26 de Janeiro de 2017 - 08:25

Os moradores da Rua Generoso Ponce, especialmente aqueles com imóveis na primeira quadra após os trilhos, voltaram a sofrer com alagamentos, ficando praticamente ilhadas pela enxurrada forte.

Ontem à tarde, pela segunda vez nas últimas três semanas, a situação se repetiu e tende a se reproduzir durante todo este período de maior precipitação pluviométrica: este trecho da via é o desaguadouro natural de toda da água da chuva que desce do entorno do Bairro Pé de Cedro, onde não há um sistema de drenagem para garantir o escoamento.

A enxurrada desce pelas vias que ligam os bairros da parte alta com os situados no outro lado do traçado dos trilhos, atravessa a Dorvalino dos Santos, escoa pela Rua Afonso Pena (desobstruída para o tráfego com a remoção de entulhos que existia ali) e dai acaba se espraiando, atingindo a Antônio Correa da Costa, Tomas da Silva França e Generoso Ponce, onde uma travessia elevada (perto da unidade da Cooperativa Lar), represa parte da água que invade os quintais e o passeio público, quase invadindo os estabelecimentos ali existente.

Foto: Reginaldo Mello/Região News

Moradores e comerciantes da Rua Generoso Ponce voltam a sofrer com alagamento

Rua: Afonso Pena margeando os trilhos ao lado da Cooperativa Lar.

O comerciante Arlindo de Oliveira Pereira, dono da A.M Utilidades, teve de fechar a loja para evitar o risco de sofrer prejuízo ainda maior com o alagamento. Os problemas não chegaram na parte mais baixa, no Sidrolar, porque foi aberta uma boca de lobo no final da Tomas da Silva França, que reduziu a velocidade da enxurrada.

Foto: Reginaldo Mello/Região News

Moradores e comerciantes da Rua Generoso Ponce voltam a sofrer com alagamento

Fachada da loja A.M Utilidades.