Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 1 de Dezembro de 2020

Sidrolandia

MS-156 é liberada e servidores garantem que não haverá bloqueio na quarta

Durante a manhã de hoje foi formada uma fila de carros e caminhões, pois a pista foi fechada nos dois sentidos.

Dourados News

25 de Fevereiro de 2014 - 15:49

Os servidores que prestam serviço para a Sesai (Secretaria Especial de Saúde Indígena) finalizaram o bloqueio da rodovia MS-156, que liga Dourados a Itaporã. O enfermeiro que presta serviço à Sesai dentro da aldeia Jaguapiru, Alex Souza da Silva, disse que a paralisação irá continuar no posto da saúde da aldeia, mas sem o bloqueio das vias.

Durante a manhã de hoje foi formada uma fila de carros e caminhões, pois a pista foi fechada nos dois sentidos. O protesto continuará por tempo indeterminado caso uma reunião que está marcada em Brasília entre lideranças do Estado e representantes do governo federal não dê os resultados esperados pela comunidade indígena.

Reivindicações

No começo da mobilização há algumas semanas atrás, as reivindicações giravam em torno da quitação de salários atrasados dos servidores que prestam serviço à Sesai, que são contratados pela Missão Evangélica Caiuás, e também com relação à infraestrutura precária na qual estão os postos de saúde dentro das comunidades indígenas de Dourados, e do Estado.

De acordo com os servidores, o salário foi quitado na semana passada, mas a mobilização segue por conta das condições precárias de atendimento.