Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 18 de Agosto de 2022

Sidrolandia

MST liderou o bloqueio da BR-163 e causa transtornos após feriado prolongado

O líder do movimento, Vanildo Elias de Oliveira, afirmou que a manifestação foi para pressionar o governo sobre a reforma agrária

TV Morena

08 de Setembro de 2015 - 08:45

O Movimento Sem-Terra do Brasil (MST) liderou o bloqueio na BR-163 em Campo Grande, saída para São Paulo, na tarde desta segunda-feira (7). A manifestação com cerca de 500 pessoas para pressionar o governo a realizar a reforma agrária, provocou congestionamento e transtornos para quem voltava para casa após o feriado prolongado.

A TV Morena entrou em contato com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e com o Ministério do Desenvolvimento, mas por causa do feriado de Independência, ninguém atendeu às ligações.

O líder do movimento, Vanildo Elias de Oliveira, afirmou que a manifestação foi para pressionar o governo sobre a reforma agrária. "Queremos distribuição de terra. O governo não faz há 5 anos", afirmou.

A manifestação durou cerca de 30 minutos e provocou cinco quilômetros de congestionamento. O MST pretende bloquear mais uma vez a rodovia nesta terça-feira (8) e depois seguir para o Incra em Campo Grande.