Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 8 de Dezembro de 2021

Sidrolandia

Outubro terá chuvas irregulares e acumulados abaixo da média no Brasil

Apenas no leste e sul de Mato Grosso do Sul a previsão indica precipitações mais intensas no decorrer do mês de outubro.

SOMAR

01 de Outubro de 2013 - 16:00

A primeira semana de outubro terá chuvas em boa parte do Centro e Sul do Brasil, mas de acordo com os meteorologistas da Somar, o tempo seca a partir do dia 10 e, por isso, a previsão é de precipitações abaixo da média na maior parte do país.

As chuvas serão irregulares após a primeira semana, mas isso não significa ausência total delas – diz o meteorologista Celso Oliveira. Assim como em setembro, o Sul do país continuará com contrastes em outubro. Enquanto se espera chuva acima da média no Paraná, em Santa Catarina e no norte do Rio Grande do Sul, a precipitação ficará abaixo do normal no sul gaúcho.

No Sudeste, praticamente toda a região ficará com chuva abaixo da média, sendo que essa situação será mais evidente no Rio de Janeiro, mas isso também não significa que não haverá chuva no Estado.

Previsão especial com as condições para o tempo nas próximas semanas. Os modelos de previsão indicam chuvas acima da média somente no oeste de São Paulo, na região de Presidente Prudente.

Situação semelhante ao Sudeste será registrada no Centro-Oeste. Boa parte da região ficará com chuva abaixo da média, com destaque para o tempo mais seco em Goiás, Distrito Federal e Mato Grosso.

Apenas no leste e sul de Mato Grosso do Sul a previsão indica precipitações mais intensas no decorrer do mês de outubro. No Nordeste, a previsão para outubro é de chuva dentro da média, o que significa pouca precipitação na maior parte da região.

No extremo sul e oeste da Bahia, sudoeste do Piauí, oeste, sul e litoral do Maranhão e ao longo da costa entre o Piauí e Pernambuco, o tempo deve ficar um pouco mais seco que nas demais regiões. Por outro lado, a previsão é de acumulados acima da média em Salvador e ao longo da Costa Verde, Litoral Norte da Bahia.

De acordo com os meteorologistas da Somar, a região Norte será mais uma vez a mais beneficiada pelas precipitações intensas.  A chuva deverá ficar acima da média no Acre, Amazonas, norte de Rondônia, Roraima, oeste do Pará e Amapá. Em Tocantins, por outro lado, o mês será mais seco que o normal.

Temperaturas

E como a previsão é de chuva irregular, a tendência é de temperatura acima da média no oeste de Minas Gerais, Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso, norte de Mato Grosso do Sul, oeste da Bahia, sudoeste do Piauí, Maranhão, Tocantins, Pará, Amapá, Rondônia, Acre e sudoeste do Amazonas.

Nas demais áreas, a temperatura permanecerá dentro da média. Em São Paulo, espera-se temperatura mais baixa que o normal no sul do Estado devido à frequência de frentes frias.