Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 9 de Maio de 2021

Sidrolandia

Para consertar vazamentos, Sanesul abre 18 buracos em ruas recém-recapeadas

São regiões da cidade onde ainda não houve a troca dos canos de fibrocimento (mais suscetíveis a vazamentos) pelos de PVC.

Flávio Paes/Região News

21 de Fevereiro de 2017 - 08:25

Os vazamentos na rede de água da Sanesul em Sidrolândia continuam provocar estragos no pavimento da cidade, quase 100% recapeado pelo Governo do Estado a partir de setembro do ano passado.

Numa rápida incursão por apenas nove ruas, a reportagem do Região News identificou 18 buracos, alguns deles, numa distância de 50 metros entre um e outro.

São regiões da cidade onde ainda não houve a troca dos canos de fibrocimento (mais suscetíveis a vazamentos) pelos de PVC. Na Rua Paraíba, por exemplo, Sérgio dos Santos, que mora na altura do número 641, testemunha nos últimos 15 dias, o surgimento de três buracos praticamente em frente da sua casa, danificando o asfalto recém-recapeado. O estrago foi feito no trecho entre as ruas Antero Lemes e Distrito Federal.

Foto: Reginaldo Mello/Região News

Para consertar vazamentos, Sanesul abre 18 buracos em ruas recém-recapeadas

Outro morador, que não quis se identificar, chegou a sugerir aos trabalhadores enquanto abriam a valeta em busca de vazamentos, reforçarem a base sob a rede numa tentativa de evitar que os canos voltassem a quebrar com o peso do tráfego de veículos.

Foto: Reginaldo Mello/Região News

Para consertar vazamentos, Sanesul abre 18 buracos em ruas recém-recapeadas

Além destes buracos na Rua Paraíba, foram identificados dois trechos danificados na Rua Prefeito Jaime Ferreira Barbosa; um na Rio Grande do Sul; três na Paraná; dois na Acre; dois na Goiás; dois na Santa Catarina e dois na Rua São Paulo.

O gerente local da Sanesul, Bernardino Lugo, reconhece o problema e diz que ele só será resolvido com a troca da rede. Ele garante que a empresa vai custear integralmente os reparos. Ainda nesta etapa a equipe do tapa-buraco deve chegar na cidade.

No mês passado, precedendo o recapeamento, houve a substituição de 600 metros de rede em trechos das ruas São Paulo, Paraíba e Sergipe, no entorno da praça.