Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 17 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Parecer da OAB/MS contribui para suspender licitação de inspeção veicular

A OAB/MS já havia formulado parecer solicitando, em 17 de dezembro do ano passado, a suspensão do processo licitatório.

OAB/MS

16 de Julho de 2013 - 13:33

Após parecer elaborado pela OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul), através da Comissão de Estudos sobre o Processo Licitatório da Inspeção Veicular, que apontou irregularidades no edital e processo licitação de serviços de inspeção veicular para capital, o TJ/MS (Tribunal de Justiça do Estado) anunciou que manterá suspensa a licitação. A decisão foi publicada no dia 9.

“Questionamos o processo de licitação tão logo ele foi anunciado e cobramos, incansavelmente, a legalidade do processo”, diz o presidente da OAB/MS, Júlio Cesar Souza Rodrigues.

De acordo com o parecer da OAB/MS, feito pela Comissão, nomeada em janeiro, o edital traz exigências restritivas, onde exige qualificação técnica incompatível com o objeto da licitação, além do alto valor para contratação – mais de R$ 500 milhões – e do prazo de vigência de 20 anos, sendo prorrogável por igual período.

A Comissão aponta ainda outras irregularidades como a inadequação no critério de julgamento adotado e ilegalidade na existência de garantia de proposta em dia anterior à data de apresentação dos envelopes de habilitação.

A OAB/MS já havia formulado parecer solicitando, em 17 de dezembro do ano passado, a suspensão do processo licitatório. No dia 20 de dezembro, o resultado da concorrência nº 136/2012 foi publicado no Diário Oficial do município e no dia 8 de março de 2013 a OAB/MS voltou a questionar o processo, enviando ofício à prefeitura.

O processo de contratação de empresa foi aberto para atender ao PCPV (Plano de Controle de Poluição Veicular) e o PIMVU (Programa de Inspeção e Manutenção de Veículos em Uso), aprovado pelo Decreto Municipal nº 11.683 de 24 de novembro de 2011. O resultado da concorrência nº 136/2012 foi publicado em Diário Oficial do Município no dia 20 de dezembro de 2012.