Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 23 de Junho de 2021

Sidrolandia

Paulo Correa vai propor utilidade pública estadual para Comitiva dos Amigos

A comitiva dos Amigos e uma entidade que trabalha em prol das pessoas com câncer do município sem fins lucrativos.

Flávio Paes/Região News

22 de Agosto de 2013 - 08:47

Foto: Marcos Tomé/Região News

Paulo Correa vai propor utilidade pública estadual para Comitiva dos Amigos

Deputado Paulo Correa, assessor de gabinete Geovan, vereador Nelio Paim (PR) e Edno Ribas (PDT)

A  Organização Não Governamental Comitiva dos Amigos, que apoia pacientes com câncer, será reconhecida como utilidade pública estadual. Na terça-feira o vereador Nélio Paim (PR) entregou o restante da documentação para o deputado Paulo Correa (PR) que vai apresentar na Assembleia Legislativa o projeto de lei para ser submetido ao plenário e depois de aprovado, vai à sanção do governador André Puccinelli.

Segundo o vereador, vencida esta etapa no âmbito estadual, o desafio seguinte será obter a utilidade publica federal. “O deputado federal Fábio Trad já se colocou a disposição para defender esta proposta em Brasília”, informa Nelinho. Com o status de “utilidade pública” a Comitiva, que até aqui depende basicamente da atuação voluntários e de recursos angariados em promoções, poderá se habilitar a obter verbas dos fundos de assistencial municipal e estadual, além de concorrer a emendas parlamentares dos deputados estaduais.

A comitiva dos Amigos e uma entidade que trabalha em prol das pessoas com câncer do município sem fins lucrativos. Seu custo anual é de R$ 120 mil, em parte coberto com duas grandes promoções anuais, que rendem à entidade R$ 90 mil.

Todo ano, a Comitiva dos Amigos realiza dois almoços, um no mês de maio e outro em outubro. Bingos e promoções diversas são outras fontes de angariar recursos para entidade. Através de uma parceria com a Prefeitura Municipal, os pacientes recebem medicamentos, são levados para sessões de radioterapia, quimioterapia. Há também o fornecimento de cestas básicas.

A Comitiva foi fundada em 2002. Atualmente atende cerca de 142 doentes de câncer. Eles são assistidos e recebem todo apoio necessário para o tratamento, palestras de autoestima, atendimento psicológico e suporte para tratamento médico-hospitalar.