Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 4 de Dezembro de 2020

Sidrolandia

Paulo Duarte anuncia maior conjunto habitacional de MS em Corumbá

Para o PAC das Cidades Históricas, Corumbá foi contemplada pelo Governo Federal com um total de R$ 19,6 milhões para revitalizar seu patrimônio.

Correio de Corumba

09 de Janeiro de 2014 - 16:11

O prefeito Paulo Duarte faz no dia 24 de janeiro, o lançamento do maior conjunto habitacional do Estado de Mato Grosso do Sul, com um total de 1,4 mil unidades para atender famílias de baixa renda.

A informação foi prestada pelo próprio prefeito no final da manhã desta quinta-feira (9), após uma agenda na Superintendência da Caixa Econômica Federal em Campo Grande. No mesmo ato, ele vai assinar ordem de serviço autorizando o início da construção de outras 200 unidades habitacionais.

Na Caixa, Paulo Duarte se reuniu com o Gerente Regional da Construção Civil, Ubiratan Chaves; com o Gerente Regional Governo e Municípios, Paulo Cesar Matos, e com o Coordenador da Engenharia, engenheiro civil Ricardo Oliveira.

“Estamos iniciando o ano com o lançamento de um grande conjunto habitacional, além de autorizar o início de outras 200 novas moradias, totalizando 1,6 mil unidades, para atender famílias de baixa renda”, ressaltou Duarte. Esta foi a sua primeira agenda após o retorno de férias de 10 dias. “Acertamos todos estes detalhes do lançamento do conjunto e outros projetos importantes para Corumbá, durante uma reunião na Superintendência da Caixa na manhã de hoje”, explicou.

O prefeito confirmou ainda que o superintendente da Caixa Econômica Federal no MS, Paulo Antunes Siqueira, estará presente à solenidade que marcará o lançamento das 1,4 mil unidades e da autorização para início da construção de outras 200 moradias.

As unidades habitacionais fazem parte do programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal, desenvolvido em parceria com a Prefeitura Municipal. Paulo lembrou também que as casas vão atender famílias de baixa renda, conforme critérios estabelecidos no início do ano passado, com total transparência, inclusive com publicação dos contemplados de forma antecipada.

Além do lançamento das 1,4 mil unidades e da ordem de serviço autorizando a construção de outras 200 moradias, o prefeito tratou de outros projetos importantes para a cidade.

“Voltamos após um período de 10 dias de férias e, nesta agenda importante com o superintendente da Caixa, tratamos também do andamento do PAC das Cidades Históricas, sinalização turísticas e também sobre o PAC das Vias Urbanas”, acrescentou.

Para o PAC das Cidades Históricas, Corumbá foi contemplada pelo Governo Federal com um total de R$ 19,6 milhões para revitalizar seu patrimônio.

O recurso será aplicado na execução de 10 projetos: restauração do prédio da antiga Prefeitura Municipal; do Hotel Internacional; do antigo Presídio (Casa do Artesão); do Casarão da Comissão Mista; do Instituto Luiz de Albuquerque (ILA); da Igreja Nossa Senhora da Candelária; do antigo mercadão e da Praça do Uruguai; praças da República e da Independência (requalificação), bem como a ligação da parte alta e parte baixa da cidade (acessibilidade).

Já para sinalização turística, Corumbá foi contemplada com R$ 500 mil para tornar a comunicação dos destinos adequada aos padrões internacionais, garantindo conforto, segurança e mobilidade adequada ao visitante, destacando e reforçando a identidade local, ampliando os ganhos do destino com a visitação.

“Iniciamos o ano de forma positiva, com grandes projetos e buscando viabilizar outros, como o PAC das Vias Urbanas, um grande projeto que vai permitir recuperar as vias urbanas da nossa cidade”, observou o prefeito, lembrando que todos estes investimentos estão sendo possíveis a partir da perfeita sintonia com a presidenta Dilma Rousseff, e o apoio de parlamentares que integram a bancada de Mato Grosso do Sul em Brasília, em especial do senador corumbaense Delcídio do Amaral.