Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 26 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Pedreiro é preso em flagrante por incêndio criminoso

O fato ocorreu na casa de sua esposa, que fica na Rua Weimar Gonçalves Torres, no centro da cidade.

Midiamax

12 de Janeiro de 2011 - 13:24

O pedreiro Aparecido da Silva Ramalho, 46 anos, foi preso pela Polícia Militar de Vicentina, na noite de terça-feira (11), acusado de incêndio criminoso. O fato ocorreu na casa de sua esposa, que fica na Rua Weimar Gonçalves Torres, no centro da cidade.

De acordo com informações, brigas são constantes entre o casal. Ontem, a mulher tinha viajado para Dourados e o marido aproveitou que não tinha ninguém no imóvel, para arrombar a porta do fundo da casa e colocar fogo no guarda-roupa.

O incêndio queimou todas as roupas. As proporções do incêndio só não foram por que os Bombeiros chegaram rápido ao local. Ramalho prestou depoimento na manhã desta quarta-feira (12) na 1º DP de Vicentina e negou ter praticado o crime. Ele será transferido para o presídio de Jateí.