Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 23 de Janeiro de 2021

Sidrolandia

Pequenos produtores terão curso de manejo de horta em MS

O produtor rural sustenta a cadeia do agronegócio, respondendo diretamente por 17% do PIB sul-mato-grossense.

Famasul

27 de Janeiro de 2014 - 13:19

Em Mato Grosso do Sul o cultivo de hortaliças é desenvolvido, em sua maioria, por meio da agricultura familiar e atende a necessidade de consumo do Estado. A variação climática e os diferentes tipos de solo na região, possibilita que o pequeno produtor cultive diversas variedades em sua horta. Para instruir e incentivar a atividade nos municípios de Alcinópolis e Corguinho, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS – Sistema Famasul), oferece a capacitação em ‘Implantação e Manejo Básico de Horta’, dos dias 28 a 30 de janeiro.

Durante a capacitação são repassadas aos participantes informações que ressaltam a importância do consumo das hortaliças e os benefícios que elas proporcionam à saúde humana. “O produtor precisa de detalhes sobre o que vai cultivar para saber como atender a demanda e calcular quanto investir”, é o que diz o instrutor do Senar/MS, Carlos Crestani, ao relatar que as informações são transmitidas aos participantes na etapa teórica do curso.

Com 12 horas de parte prática a capacitação aborda desde adubação até o controle de pragas e doenças. Com auxílio do instrutor do Senar/MS, cada participante executa todas as etapas que envolvem o plantio em horta, em seguida recebe noções de comercialização, colheita e aproveitamento.

Alface e cenoura, as hortaliças mais comercializadas em Mato Grosso do Sul, de acordo com Crestani, serão cultivadas no curso, além de tomate, quiabo, jiló, couve e almeirão. Este último, segundo o instrutor do Senar/MS, muito procurado na região de Corguinho. “O produtor pode vender a produção para redes comerciais e restaurantes. No histórico da capacitação, há casos de assentamentos que hoje atendem grandes supermercados”, complementa. Para Crestani as aulas contribuem para o aumento da produtividade, além de ser um incentivo para o crescimento da agricultura familiar no Estado.

Além dessa capacitação, o Senar/MS tem na programação de 2014 outros cursos voltados para a agricultura, como Manejo Básico de Pomar, Cultivo de uva, côco, citrus, maracujá e abacaxi, café e mandioca, além de plantio de cana-de-açúcar, milho e sorgo. Saiba mais sobre as ações da entidade acessando ao site www.senarms.org.br ou pelo telefone 3320-9700.

Sobre o Sistema Famasul – O Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS) é um conjunto de entidades que dão suporte para o desenvolvimento sustentável do agronegócio e representam os interesses dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul. É formado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Fundação Educacional para o Desenvolvimento Rural (Funar), Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja/MS) e pelos sindicatos rurais do Estado.

O Sistema Famasul é uma das 27 entidades sindicais que integram a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Como representante do homem do campo, põe seu corpo técnico a serviço da competitividade da agropecuária, da segurança jurídica e da valorização do homem do campo. O produtor rural sustenta a cadeia do agronegócio, respondendo diretamente por 17% do PIB sul-mato-grossense.