Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 26 de Maio de 2022

Sidrolandia

Polícia Ambiental coloca 350 policiais para combater pesca ilegal no feriado

Mesmo assim, outros pontos que são considerados convidativos para turistas por conta do feriado prolongado estarão na mira da PMA

PMMS

31 de Outubro de 2015 - 09:20

A Polícia Militar Ambiental (PMA) colocou 350 homens para percorrer os rios de Mato Grosso do Sul em uma operação contra a pesca predatória, que vai durar até a segunda-feira (2). A intensificação desse trabalho vai focar principalmente a fiscalização nos rios Taquari, Paraná e Paraguai.

Mesmo assim, outros pontos que são considerados convidativos para turistas por conta do feriado prolongado estarão na mira da PMA.

"Os policiais estão atuando no leito dos rios e barrancos para prevenir e combater crimes como a pesca predatória, que degradam os recursos naturais", divulgou a assessoria de imprensa da instituição.

Os policiais estarão atentos a verificar o uso de petrechos ou métodos de pesca proibidos, a retirada de quantidade de peixes superior ao permitido, bem como a pesca em locais não permitidos e a captura do pescado com tamanho inferior ao regulamento. Todos esses itens caracterizam-se como crimes e podem render penalidades, como multa e mesmo prisão.

"A falta da licença ambiental de pesca constitui infração administrativa, cabendo multa e ainda apreensão do material de pesca, barcos e motores", alertou a PMA.

Só na última piracema, por exemplo, a Polícia Militar Ambiental prendeu 74 pessoas e apreendeu 1.930 quilos de pescado.