Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 30 de Novembro de 2020

Sidrolandia

Polícia Civil de Rochedo deflagra operação contra furto de energia

Ao menos 100 locais já foram mapeados como suspeitos de furtarem energia antes do inicio da operação.

Midiamax

30 de Outubro de 2012 - 09:10

Foi deflagrada às 8h da manhã desta terça-feira (30) em Rochedo, distante a 89 km de Campo Grande, a operação curto circuito, com intuito de coibir o furto de energia elétrica no município. Ao menos 100 locais já foram mapeados como suspeitos de furtarem energia antes do inicio da operação.

A ação conta com 47 homens entre policiais civis, técnicos e gestores da Enersul e peritos criminais. O esquema montado para a operação inclui 14 veículos a serviço da Enersul e três viaturas da Policia Civil.

Já no primeiro comércio visitado na Rua Albino Coimbra, região central da cidade, foi constatado o furto de energia em um açougue. A informação é de que o lacre do relógio de energia foi violado e que foi feito a ligação clandestina.

O açougue possuía três medidores, sendo que o proprietário danificou o sensor de uma das fases de energia e pegou a parte onde havia maior carga para alterar o valor da conta. A equipe da Enersul realizou a troca do medidor de energia no açougue.

Segundo o delegado titular da delegacia de Rochedo - Paulo Roberto Diniz, esse caso é tratado como furto de energia simples, mas deveria ser tratado como qualificado por causa da fraude. A pena varia de um a quatro anos e prevê fiança.

De acordo com uma gestora de Enersul, até setembro de 2012, 116 mil unidades consumidoras já foram vistoriadas no Mato Grosso do Sul, sendo que em 22% dos locais foi constatada irregularidade.

Neste momento os investigadores estão em uma pizzaria na mesma rua.