Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 25 de Janeiro de 2021

Sidrolandia

Policiais Civis reclamam de sucateamento e ameaçam greve em MS

O Sinpol diz que é necessária a abertura de concurso público para a contratação de aproximadamente 1.400 policiais.

Fátima News

28 de Fevereiro de 2014 - 15:30

A diretoria do Sindicato dos Policiais Civis de Mato Grosso do Sul (Sinpol/MS) emitiu uma nota alegando que a categoria sofre descaso por parte do poder público do Estado, e que ameaça entrar em greve. Segundo documento, os policiais trabalham como ‘heróis’, pois convivem diariamente com péssimas condições de infraestrutura, incluindo delegacias sucateadas, viaturas em péssimo estado de conservação, falta de efetivo e baixos salários.

“Por conta do descaso, perdemos nesses últimos 60 dias, três policiais civis em serviço. E com essas situações, todos estamos perdendo. Nós, policiais civis, que temos que heroicamente proteger a população, mesmo sem estrutura. Os presos, que encarcerados nas delegacias, perdem os seus direitos básicos [..]; e por fim, a população, que paga imposto, e não vê retorno, principalmente na Segurança Pública”, alerta o documento.

O Sinpol diz que é necessária a abertura de concurso público para a contratação de aproximadamente 1.400 policiais. A entidade reclama das promessas feitas pelo Governo e diz que caso não haja possibilidade de melhora, vai iniciar uma greve.

“Diante dos fatos [...] o Sinpol vem alertar sobre possibilidade da categoria Polícia Civil entrar em greve, reivindicando que o Governo tome providências imediatas, tais como: aumento do efetivo policial, melhores condições de trabalho, bem como viaturas e armamentos adequados para cada localidade e a retirada de presos das delegacias de polícia”.