Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 16 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Posse de Murilo poderá ser antecipada; transição já tem membros

Presidente do tribunal, o Desembargador Josué de Oliveira afirmou que poderá antecipar a diplomação de Murilo

Campo Grande News

07 de Fevereiro de 2011 - 16:22

Após duas derrotas na disputa pela prefeitura, em 2000 e 2008, e com Dourados passando por graves problemas, o prefeito eleito Murilo Zauith (DEM) não quer perder tempo.

O TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral) e a prefeita interina Délia Razuk (PMDB) já se manifestaram a favor da antecipação da posse de Murilo, que deveria acontecer depois do dia 28, data para a qual estava prevista a diplomação do democrata.

Presidente do tribunal, o Desembargador Josué de Oliveira afirmou que poderá antecipar a diplomação de Murilo. Com a diplomação, a Câmara estará livre para dar posse ao novo prefeito.

De acordo com a assessoria de imprensa do TRE, a diplomação depende da aprovação da prestação de contas de campanha.

Pelo prazo estipulado pela Justiça Eleitoral, Murilo tem até o dia 16 de fevereiro para apresentar as contas. Ele já avisou que irá antecipar essa entrega.

A prefeita interina Délia Razuk (PMDB) também disse que está “agilizando” o processo para entregar a Prefeitura.

Ela nomeou uma equipe de transição com o advogado Maurício Raslan, o procurador geral Sérgio Henrique e o secretário de Finanças, João Azambuja.

“A comissão é uma exigência legal e terá mais três pessoas, indicadas pelo prefeito eleito”, disse. A comissão, segundo Délia, será responsável por levantar todas as informações requisitadas pelo prefeito.