Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 26 de Maio de 2022

Sidrolandia

Prefeitura define nova composição de conselho e planeja criar núcleo industrial na saída para Maracaju

Além de mudar de nome, de Conselho Municipal Industrial para Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico e Industrial (CONDEIS), mudou de composição

Flávio Paes/Região News

06 de Novembro de 2015 - 11:00

O prefeito Ari Basso nomeou a nova composição do Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico e Industrial e planeja criar um núcleo industrial na saída para Maracaju, concentrando novos empreendimentos nesta região já que a saída para Campo Grande, às margens da BR-060, já está saturada e com a chegada de alguns empreendimentos imobiliários (Residencial das Orquídeas, Porto Seguro), tende a se tornar uma zona residencial. O novo plano diretor manterá como zona industrial apenas as áreas onde já estão instaladas as indústrias JBS, Tip Top e Via Blumenau.

O presidente da Câmara, David Olindo, que junto com a vereadora Vilma Felini, vai representar o legislativo, no colegiado, pretende sugerir ao prefeito a desapropriação ou compra da área do antigo jockey clube para instalar ali um polo empresarial, nos moldes dos existentes em Campo Grande, com toda a infraestrutura. No entorno do complexo de armazenagem da LAR, indústria Cotag pode ser instalar uma indústria de fertilizante que receberia uma área de 5 hectares permutada com a Meta Armazenagem, pelos 2 hectares retomado do grupo que não conseguiu implantar um laticínio.

Além de mudar de nome, de Conselho Municipal Industrial para Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico e Industrial (CONDEIS), mudou de composição. Antes tinha seis membros, três indicados pelo prefeito, 1 representante da Câmara e a iniciativa só tinha duas cadeiras, da Associação Comercial e Industrial e o Sindicato Rural. Pela nova legislação passou a contar com a participação de representantes dos segmentos industriais; da Associação Comercial; setor de transporte de cargas; do agronegócio e das empresas prestadores de serviço.

Da Prefeitura participam os secretários de Planejamento, Administração e Finanças; Desenvolvimento Econômico e Turismo; Infraestrutura, Habitação e Serviços Públicos e de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente. Também foi preservada a representação da Câmara. O presidente será eleito por maioria de votos dos conselheiros, que terão mandato de dois anos. 

Mudança

Desde junho o PROSIDRO (Programa de Apoio a Industrialização de Sidrolândia) que estava em vigor desde 1992 e era restrito ao setor industrial, foi reformulado. Com a nova legislação, passou a ser mais abrangente, atendendo também empreendimentos comerciais, do agronegócio, cooperativas e empresas públicas e prestadoras de serviços, instaladas ou que vierem a se instalar no município, projetos de ampliação e relocalização. 

Outra novidade é que com estas novas normas, além da concessão de benefícios fiscais (isenção de ISSQN e IPTU), o município poderá oferecer suporte de apoio, além da doação de áreas, infraestrutura básica do terreno (como terraplanagem, energia elétrica, água). Os processos serão aprovados pelo conselho, mas, passarão também a depender do aval da Câmara Municipal, que manterá representação no conselho.

Outra novidade é que a concessão de isenção fiscal será flexibilizada. Pela lei anterior, as empresas incentivadas eram beneficiadas com a isenção de IPTU e ISSQN por cinco anos. A partir de agora, a isenção, depois de avaliação do Conselho, vai variar de 1 a 100% por um prazo também a ser determinado, entre 3 e 10 anos, podendo ser prorrogado com aval do Conselho de Desenvolvimento. 

A nova composição do Conselho de Desenvolvimento Econômico

Representante do segmento industrial

Geter Paulo Teixeira de Arruda

Suplente: Rosangela dos Santos Mello

Representação da Associação Comercial

Aderaldo Barbosa Araújo

Suplente: Mário Nantes Arruda

Representante do setor de transporte e cargas

Alessandro Sanches Chaves

Suplente:Cledison Joanes Brandão Fernandes

Representante do agronegócio

Jorge Luiz Rebeschini

Suplente: Cleber Coldebella

Representante das prestadoras de serviço

Delnero Deneval Marques Domingues

Suplente: Evandro Benites Ramires

Representantes do Poder Executivo

Secretaria de Planejamento,Administração e Finanças

Raul Savaris

Suplente: Renata Daniele de Oliveira

Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo

Suplente: Gedilson Silva Gabriel

Secretaria de Infraestrutura, Habitação e Serviços Urbanos

Antônio Galdino

Suplente: Maria do Carmo Pereira Morais

Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente

Cezar Pereira de Queiroz

Suplente: Gilmar Antunes da Silva

Legislativo

David Moura Olindo

Suplente: Vilma Felini