Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 30 de Novembro de 2021

Sidrolandia

Prefeitura entrega prédio com 7 salas de aula no assentamento Eldorado

Atualmente cerca de 600 alunos utilizam a estrutura do novo prédio reformado e ampliado pela prefeitura, para se dedicar ao aprendizado do ensino fundamental.

Marcos Tomé/Região News

26 de Julho de 2013 - 13:25

Foto: Natalício Mello/Região News

Prefeitura entrega prédio com 7 salas de aula no assentamento Eldorado

Ari Basso, prefeito de Sidrolândia, acompanhado de vereadores, secretários, alunos e do corpo docente da Escola Municipal Eldorado, entregou na manhã de hoje a reforma e ampliação das instalações do novo prédio da unidade de ensino. Iniciada ainda no governo interino de Ilson Peres, a obra custou aos cofres públicos mais de R$ 185 mil.

Durante a solenidade a secretária adjunta da Secretaria de Estado de Educação, Sheila Cristina Verdrami, anunciou novos investimentos do governo do Estado no setor educacional da cidade. Segundo Sheila, está em fase de conclusão os estudos para se construir a sede própria da Escola Estadual Paulo Eduardo de Souza Firmo.

A nova escola, criada em 28 de julho de 2010 terá capacidade para abrigar cerca de 1200 alunos divididos nos três períodos. Inicialmente discute-se a construção de 12 salas de aulas para atender a demanda do ensino médio. A escola deve ser construída no Capão Seco, local estratégico que fica na região central do complexo Eldorado.

A Reforma

Atualmente cerca de 600 alunos utilizam a estrutura do novo prédio reformado e ampliado pela prefeitura, para se dedicarem ao aprendizado do ensino fundamental. Na Escola Municipal Eldorado, são abrigados alunos de 1º ao 5º ano. Para professora Ângela Estevão, que ocupa cargo de coordenaria na instituição de ensino, investimentos na educação tem sido prioridade do atual governo.

Ela conta que a cerca de 2 anos leciona na escola. Em sua avaliação, o antigo prédio não oferecia as mínimas condições de trabalho. “Carteiras destruídas, teto desabando, banheiros interditados, vidros quebrados, a lousa era improvisada, o piso todo comprometido”, relembra.

Prefeitura entrega prédio com 7 salas de aula no assentamento EldoradoAdriandjela Franco Barreto, de 11 anos, que mora no lote 62 no Eldorado, diz que só de pensar em ir para escola na época era um desanimo. Hoje com as obras de reforma o quadro mudou. “Tudo limpinho, novo, cadeiras e carteiras”, comenta. Ela diz que pega um ônibus pra chegar até a escola devido à distância, mas que não se incomoda com isso, pois antes, além do sofrimento, nem banheiro tinha na escola.

Já a aluna do 9º ano do ensino médio, Karoline Grance Franco, de 14 anos, que mora a cerca de 3 quilômetros dali, a nova escola mudou completamente sua rotina de vida. Ela relata a reportagem do Região News que seu dia-dia era sofrido em razão de recusar a estudar na antiga escola, que segundo ela, estava caindo aos pedaços.

Prefeitura entrega prédio com 7 salas de aula no assentamento Eldorado

“Eu saia de casa às 10h30min, pagava um ônibus que percorria as fazendas da região para só então após 02h30min rodando no coletivo, chegar à escola. Antes eu estudava na cidade, no Sidrônio Antunes de Andrade”, conta. Apesar de morar na vizinhança, mantinha esta rotina para não acompanhar as aulas na Escola Paulo Eduardo de Souza Firmo, que funcionava no mesmo prédio de forma improvisado e em precárias condições.

Hoje este quadro mudou. Durante o dia os alunos da rede municipal utilizam o prédio e a noite, alunos da rede Estadual. “Muito melhor. Saio de casa faltando 10 minutos para começar as aulas. É rapidinho”, comenta.