Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 26 de Novembro de 2021

Sidrolandia

Presidente da Câmara pede intervenção do prefeito para adiar shows que concorrem com exposição

O presidente do Sindicato Rural, embora reconheça o direito da JPL promover seu evento, considera uma atitude desleal da empresa

Flávio Paes/Região News

17 de Agosto de 2013 - 10:26

O presidente da Câmara de Sidrolândia, Ilson Peres, acompanhado do presidente do Sindicato Rural, Osório Straliotto, se reuniu ontem à noite com o prefeito Ari Basso (PSDB) quando pediu que ele intervenha para adiar a realização nos dias 6 e 7 de setembro do Top Country Fest, com  programação de shows do gênero sertanejo universitário. O evento concorrerá diretamente com a 15ª Expo Sidrolândia que neste ano acontecerá de 03 a 08 de setembro sem cobrança de ingresso.

Peres defende o adiamento do evento paralelo promovido pela JPL. “É uma questão de bom senso, para não haver prejuízo à exposição que faz parte do calendário de eventos da cidade, nem se colocar em risco a segurança da população, porque a cidade não dispõe de estrutura para receber simultaneamente dois eventos de porte, um praticamente ao lado do lado. Defendo um entendimento com os promotores dos shows para que sejam adiados para a semana seguinte, porque não haverá prejuízo para ninguém”, comenta Peres.

O presidente do Sindicato Rural, embora reconheça o direito da JPL promover seu evento, considera uma atitude desleal da empresa que nos últimos dois anos foi responsável pela contratação dos shows da exposição, como retaliação por não ter sido escolhida este ano. “Escolhemos a proposta que julgamos ser a que melhor atendia as necessidades da feira”, destacou, numa referência a escolha do promoter Felipe Feitosa em detrimento da proposta apresentada pela JPL.

Ontem pela manhã o presidente da Câmara e outros vereadores participaram de uma reunião com os dirigentes do Sindicato Rural e da Associação Empresarial que manifestaram preocupação com o impacto deste evento sobre a feira agropecuária exatamente nos dois dias de maior movimento, na sexta-feira, véspera e no feriado de 7 de setembro.

“A informação inicial é que o evento seria realizado numa chácara distante do Parque de Exposição, não haveria prejuízo para a feira agropecuária. Para minha surpresa fui informado de que toda a estrutura será montada num terreno praticamente ao lado do CTG. Nestas condições fica impraticável conciliar exposição e Country Fest”, comenta Peres, que acrescenta:

“Tenho certeza que o senhor Ari não tem conhecimento pleno desta situação. Não teria cabimento a prefeitura custear os shows da exposição para garantir acesso gratuito à população e ao mesmo autorizar um evento particular que pode comprometer definitivamente este formato mais popular da feira”, argumenta o presidente da Câmara.

Neste ano, após uma votação polêmica no Legislativo que cortou a verba inicial em R$ 50 mil, a Prefeitura repassou R$ 90 mil para custear parte das despesas com a exposição. Os vereadores exigiram como contrapartida que houvesse três dias de shows sem cobrança de ingresso.  O Sindicato então reservou R$ 65 mil para o pagamento de cachês e ofereceu a três empresas promotoras de eventos, uma delas a JPL, justamente a que está organizando o Top Country Festa. Acabou sendo fechado contrato com o promoter Felipe Feitosa.

Preterida, a JPL respondeu locando o terreno que pertence ao empresário Dalto Pavei e projetou uma megaestrutura de tendas com camarotes, num espaço em condições de receber 5 mil pessoas, para sediar os dois dias de shows. Segundo um dos organizadores, Marcos Rios, 400 camarotes já foram vendidos.

Ele garante que não haverá prejuízo para a feira agropecuária. “Os shows da exposição vão até no máximo meia-noite. Os jovens, que são o público alvo, não terão o que fazer depois deste horário. Em Maracaju, durante a Festa da Linguiça, aconteceram eventos paralelos e não houve nenhum problema”.

O fato dos eventos acontecerem em áreas próximas é um fato positivo, porque o mesmo efetivo policial e de viaturas, ambulância, pode será usado de forma conjunta. Na segunda-feira ele pretende se reunir com o prefeito Ari Basso para apresentar o plano de segurança do Top County Fest. Marcos garante que está sendo providenciada toda a documentação necessária para obter os alvarás e licenças da Prefeitura, Delegacia de Polícia e Corpo de Bombeiros.

Programação

Na sexta-feira, dia 06, enquanto na exposição se apresentarão Patrícia e Adriana, no Top Country Fest, quem subirá ao palco é Loubet, além da dupla Conrado e Alexandre. No sábado, a feira terá Luiz Goiano e Girsel da Viola, enquanto que no evento da JPL-3, terá André & Kadu e Rominho.