Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 23 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Produtores recebem caminhões adquiridos com ajuda do governo

Os produtores beneficiados atuam na produção de hortigranjeiros e fazem parte da cooperativa

21 de Março de 2011 - 08:00

Produtores recebem caminhões adquiridos com ajuda do governo
Divulga

Produtores de Campo Grande e região receberam na sexta-feira (18), quinze caminhões Ford Cargo adquiridos por meio do Programa Mais Alimentos. A aquisição dos veículos foi feita por meio de um projeto de crédito elaborado pela equipe técnica da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) junto ao Sicredi, em parceria com a Ford Caminhões e a Cooperativa Agrícola de Campo Grande (Coop Grande).

Os produtores beneficiados atuam na produção de hortigranjeiros e fazem parte da cooperativa. Os caminhões foram entregues pela secretária de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo, Tereza Cristina Côrrea da Costa Dias, e pelo diretor-presidente da Agraer, José Antônio Roldão. A solenidade foi realizada no pavilhão da agricultura familiar da Ceasa, em Campo Grande e teve a presença de representantes dos órgãos envolvidos no projeto.

A secretária , Tereza Cristina, abriu a solenidade afirmando que “hoje é um dia de comemoração porque o produtor agora ganha agilidade, segurança e passa a garantir um produto de melhor qualidade na mesa do consumidor”. Encerrando a solenidade anunciou que a caravana Mais Alimentos será retomada este ano. “Esse é um programa que veio para ficar e que ainda pode crescer muito”.

O diretor da Coop Grande, Paulo Neri, agradeceu o esforço e afirmou que agora “ é possível visualizar um futuro melhor”. Para ele ,essa parceria entre a iniciativa pública e privada é um grande impulso para a garantia da diversificação da produção. “Parabéns a todos que se empenharam para o sucesso dessa iniciativa. Esperamos que essa parceria venha a  ser ampliada no futuro.”

O representante do Sicredi , Celso Figueira, finalizou afirmando que esse era um momento único para a Instituição. “Essa união de forças é que possibilita o fortalecimento da agricultura familiar . Estamos abertos a todos os produtores para dar continuidade a esse trabalho”.

Mais Alimentos: Desenvolvido pelo governo federal por meio do Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA), o programa, criado em 2008, destina recursos para investimentos em infra estrutura da propriedade rural e, assim, cria as condições necessárias para o aumento da produção e da produtividade da agricultura familiar. O limite de crédito é de R$ 130 mil, que podem ser pagos em  dez anos, com até três anos de carência e juros de 2% ao ano. 

Esta linha de financiamento contempla também projetos associados à apicultura, aquicultura, avicultura, bovinocultura de corte, bovinocultura de leite, caprinocultura, fruticultura, olericultura, ovinocultura, pesca e suinocultura e a produção de açafrão, arroz, centeio, feijão, mandioca, milho, sorgo,trigo, cana-de-açúcar e palmácea para produção de palmito.