Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 28 de Janeiro de 2022

Sidrolandia

Projeto Municipal de Segurança no Trânsito é entregue à Caixa Econômica

O programa visa à restauração de pavimento e sinalização das vias com função de anel viário em perímetro urbano

Assessoria de comunicação

11 de Abril de 2011 - 13:00

Projeto Municipal de Segurança no Trânsito é entregue à Caixa Econômica
Projeto Municipal de Seguran - Assessoria

O Prefeito Daltro Fiuza reuniu-se na semana passada com o gerente da superintendência regional de negócios da Caixa Econômica Federal, Paulo Cesar neves de Matos, e com a gerente geral da Agência da Av. Bandeirantes, Maria Bertoli, para a entrega de projeto e assinatura do contrato de repasse nº 0330 814-11-2010, referente ao Programa Segurança e Educação no Trânsito.

O programa, que é de competência do Ministério das Cidades, com a participação da Caixa Econômica Federal e do Município, tem como principal ação a restauração da pavimentação, a sinalização viária e abrigo de ônibus. Também são incluídos no projeto a adequação de corredores estruturais de transporte coletivo.

Entregue à Caixa Econômica no dia 07 de Abril, o projeto elaborado pela prefeitura passará agora por analise e, partir da data da autorização, deverá ser concluído em até seis meses. De acordo com Paulo Cesar, o valor do projeto é de R$ 600.000,00 (seiscentos mil reais), com contrapartida do município de R$ 58.500,00. Esse recurso é oriundo do Ministério das Cidades e foi conquistado no ano de 2010 a partir de emenda do então Deputado Antônio Cruz. “Agora cabe à Prefeitura e à Caixa Econômica darem andamento a esse projeto, que deverá passar pela análise técnica, pela elaboração do processo de licitação, ordem de serviço e demais trâmites legais para a liberação dos recursos e execução das obras”, explicou o prefeito Daltro Fiuza.

Fiuza ressaltou que o projeto é de elevada importância, pois contemplará principalmente às ruas que tem função de anel viário dentro do perímetro urbano, dando melhor condição de tráfego em diversas áreas da cidade. “Temos como fortes exemplos de ruas com essa funcionalidade, que são as ruas Mato Grosso, Tomaz da Silva França, a Rua João Marcio Ferreira Terra, entre outras. E esse projeto é referente às questões de recapeamento, sinalização, pontos de ônibus e demais mudanças nessas áreas visando a melhoria do fluxo”, disse Fiuza.

Reparos emergenciais

Ainda no âmbito da Sinalização Viária, quem passa pelas principais ruas de  Sidrolândia já notou que algumas marcações de “Pare” estão sendo reforçadas pela equipe da Prefeitura Municipal de Sidrolândia.

De acordo com o diretor de Trânsito do Município, Adão Osiro, esse foi um serviço providenciado pela Secretaria Municipal de Obra enquanto o processo de licitação para a reforma da sinalização vertical e horizontal do perímetro urbano do Município. “Esse projeto já foi elaborado e está em fase de adequação para ser apresentado. Temos plena consciência de sua importância e estamos fazendo o possível para viabilizá-lo o quanto antes. Enquanto isso providenciamos esses reparos emergenciais em pontos mais críticos da cidade”, afirmou Osiro.