Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 6 de Março de 2021

Sidrolandia

Projeto prevê redução fiscal para empresas que utilizam materiais reciclados ou recicláveis

A concessão do benefício deverá ser regulamentada pelo Poder Executivo. Ele também definirá quais bens poderão ser considerados reciclados ou recicláveis

Agência CNM

29 de Setembro de 2014 - 14:12

A empresa que utilizar materiais reciclados ou recicláveis como matéria-prima terá isenções fiscais, determina o Projeto de Lei do Senado (PLS) 147/2014. A proposição prevê descontos no Imposto de Renda das Pessoas Jurídicas (IRPJ) e na Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL).

De acordo com o texto, as isenções não poderão reduzir o valor devido do imposto e da contribuição social em mais de 4%.

A concessão do benefício deverá ser regulamentada pelo Poder Executivo. Ele também definirá quais bens poderão ser considerados reciclados ou recicláveis. 

O objetivo é minimizar “os impactos ambientais decorrentes da atividade empresarial e do consumo”. Segundo a justificativa do autor, senador Alfredo Nascimento (PR-AM), o projeto está alinhado com a Política Nacional de Resíduos Sólidos e o resíduo reutilizável e reciclável é um bem econômico e de valor social.

O PLS pretende também fomentar a indústria de recicláveis e permitir a redução da quantidade de rejeitos. 

Tramitação

A matéria aguarda designação de relator na Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA). Em seguida vai para o aval da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), em decisão terminativa.