Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 27 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Sanesul licita R$ 1,8 milhão em obras para ampliar abastecimento de água em Vista Alegre

O investimento previsto é de R$ 1,8 milhão, abrangendo a construção de um reservatório apoiado de concreto armado com capacidade para 300 metros cúbicos

Flávio Paes/Região News

04 de Julho de 2013 - 08:18

Diante das queixas da população, amplificadas pelas críticas dos vereadores em manifestações na Câmara de Maracaju, a Sanesul licitou e nos próximos dias devem ser iniciadas obras para melhorar e ampliar o abastecimento de água no Distrito Vista Alegre, que desde a renovação da concessão há três anos , só tinha sido beneficiado com um poço artesiano.

O investimento previsto é de R$ 1,8 milhão, abrangendo a construção de um reservatório apoiado de concreto armado com capacidade para 300 metros cúbicos, um reservatório elevado metálico de 50 metros cúbicos, além da instalação de 16.237 metros de rede de distribuição de água e 1.890 metros de adutora.

Na área urbana de Maracaju, a empresa promete acabar com a falta de água em alguns bairros, com a ativação de um poço (no qual foram investidos R$ 524 mil) e melhorias no centro de reservação (R$ 434  mil). Desde a renovação do contrato de concessão, a empresa diz ter investido R$ 3,3 milhões em obras já inauguradas; R$ 92,6 mil em andamento e até 2014, a estimativa é a aplicação de R$ 9,1 milhões, sendo R$ 5,93 milhões de recursos da própria Sanesul e R$ 6,6 milhões do Governo Federal, para ampliação do sistema de esgoto.

As regiões da cidade mais afetadas pela falta de água são os bairros Altos de Maracaju, Vila Vicentina, San Raphael e Conjunto Leonardo, onde abastecimento quase diariamente é interrompido no período da tarde.