Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 4 de Agosto de 2021

Sidrolandia

Seminário impulsiona ação parlamentar em Sidrolândia

Em busca de conhecimento e atualização nas questões pertinentes ao Poder Legislativo, os parlamentares se ausentaram do município por 4 dias.

Marcos Tomé/Região News

01 de Março de 2011 - 08:14

Seminário impulsiona ação parlamentar em Sidrolândia
Semin - Foto: Marcos Tom

7 dos 9 vereadores da Câmara Municipal de Sidrolândia participaram entre os dias 22 e 25 de fevereiro do Congresso Nacional de vereadores realizado na capital de Minas Gerais, Belo Horizonte. Em busca de conhecimento e atualização nas questões pertinentes ao Poder Legislativo, os parlamentares se ausentaram do município por 4 dias.

Professor Carlos Tadeu (PMDB) relatou na tribuna que durante toda sua vida sempre foi um grande entusiasta do conhecimento. “O homem é aquilo que ele acredita e para se acreditar que é possível mudar de vida, é fundamental investir em conhecimento. Estamos em constante evolução, todos os dias surgem novas e modernas tecnologias para o bem do homem, porém, para domina-las é preciso que se invista no aprender”, afirma.

Segundo Tadeu, a comissão de parlamentares que se deslocou de Sidrolândia até a capital Mineira foram em busca do saber. “Como representaremos esse povo pujante que sonha em dias melhores sem nos capacitarmos. Acredito que a sociedade parabeniza o Prefeito quando o mesmo se ausenta do município em busca de conhecimento e recursos que geram melhorias para a população, afinal, este é o papel do homem público”, desabafa.

O vereador usou seu tempo regimental para rebater as informações que, de certa forma, colocava em duvida a necessidade da participação dos parlamentares em eventos de tal natureza. ”Imagina um cidadão deixar seu filho em uma escola sem que haja professores capacitados. Que tipo de educação escolar terá essa criança? No Legislativo é a mesma coisa, fomos eleitos para fiscalizar o executivo e criar leis, porém, não somos peritos no assunto, razão pela qual, temos que nos capacitar para desenvolver nosso papel da melhor maneira possível visando o bem comum”, finaliza.

Vereador Jean Nazareth afirmou que no próximo seminário as vereadoras: Roberta Stafenello e Drª. Rosângela, ambas do PMDB e que não puderam participar do referido evento, serão novamente convidadas pela presidência para tal capacitação. Os vereadores foram unanimes em afirma que sempre estarão participando de tais eventos.

Novas ideias e grandes projetos serão desenvolvidos com base nos ensinamentos obtidos no referido seminário. Waldemar Acosta relatou, por exemplo, a importância de se desenvolver ações de forma coletiva para buscar recursos na capital federal, Brasília. O vereador não é eleito apenas para dar nome em ruas e pedir para o prefeito a troca de lâmpadas. “Somos um parlamento constituído, nada se faz ou se cria no município sem que haja a aprovação desta casa de leis”, enfatiza.

Vereador Jonas Rodrigues afirmou que é comum este tipo de viagens. “Drª Rosangela nos ofereceu várias oportunidades de capacitação em sua gestão e foram esses cursos, seminários e encontros que me ajudaram a entender e a exerceu o papel de vereador”, comentou o parlamentar.