Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 30 de Novembro de 2020

Sidrolandia

Sidrolândia adere ao Programa Agrinho, coordenado pelo Senar/MS

O projeto piloto do programa Agrinho atenderá 32 mil alunos do Ensino Fundamental de oito municípios de Mato Grosso do Sul em 2014.

Assessoria

03 de Abril de 2014 - 10:10

Na tarde desta quarta-feira aconteceu o lançamento do projeto piloto do Programa Agrinho em Mato Grosso do Sul. O programa destina-se aos alunos das escolas municipais e estaduais do ensino fundamental (1º ao 9º), visando desenvolver a consciência ambiental e de relevância social de forma crítica e reflexiva. O Agrinho é resultado da parceria entre o Senar/MS, Sistema Famasul, Governo do Estado e instituições privadas. A cerimônia aconteceu no auditório da Famasul.

O projeto piloto do programa Agrinho atenderá 32 mil alunos do Ensino Fundamental de oito municípios de Mato Grosso do Sul em 2014. O anúncio foi feito pelo superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS), Rogério Beretta.

Ainda segundo o superintendente, o cronograma de aplicação do projeto começa de imediato e consiste na capacitação dos professores, entrega de materiais para todas as crianças e adolescentes do Ensino Fundamental e no acompanhamento do processo educativo. "A escolha dos municípios foi realizada por questões de logística, pela proximidade com a Capital, mas queremos expandir em pouco tempo para todo o Estado". A meta é atingir todos os alunos da rede pública e particular de MS.

Um dos objetivos do programa é levar o agronegócio para os estudantes e professores de Mato Grosso do Sul. Eduardo Riedel, presidente da Famasul, disse que, “existe a necessidade constante de que a sociedade conheça a sustentabilidade do agronegócio brasileiro. Precisamos mostrar à população o quanto a agropecuária de MS é sustentável não só na preservação da biodiversidade, mas também nas práticas de produção", ressaltou Riedel.

Acompanhando o prefeito Ari Basso à cerimônia, a Secretária de Educação, Sônia Dal Paz, destacou a importância de levar a conscientização ambiental para nossas crianças e nossos adolescentes, “o Agrinho é um programa muito interessante, ela conscientiza nossos estudantes da necessidade da preservação ambiental”.

Em Sidrolândia, todas as escolas municipais vão participar do projeto piloto do Agrinho. Além de Sidrolândia, aderiram ao projeto: Anastácio, Maracaju, Ribas do Rio Pardo, Nova Andradina, Terenos, Rochedo e São Gabriel do Oeste.

Histórico

O programa Agrinho foi criado no Senar/PR em 1995, tem como objetivo inserir crianças e jovens, de seis a 15 anos, estudantes do 1º ao 9º ano, nas atividades do meio rural, fornecendo orientações sobre meio-ambiente, cidadania, cultura e desenvolvimento social. Além deste eixo temático, outros assuntos de relevância social como pluralidade cultural, sexualidade, trabalho infantil, ética, direitos e deveres do cidadão, drogas e empreendedorismo são abordados durante o aprendizado do programa.