Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 25 de Novembro de 2020

Sidrolandia

SOS Pantanal é a campeã de Corumbá do 1º Torneio de Robótica das Escolas do Sesi

A competição busca estimular o raciocínio lógico e o desenvolvimento de habilidades dos estudantes, e conta com 614 alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental

Daniel Pedra/Assessoria

18 de Agosto de 2014 - 08:46

A equipe SOS Pantanal foi a grande campeã de Corumbá do 1º Torneio Interclasse de Robótica das Escolas do Sesi, que foi realizado no sábado (16) na Escola do Sesi da cidade e também será promovido pelas escolas do Sesi de Três Lagoas (23/08), de Campo Grande (24/08) e de Dourados (30/08).

A competição busca estimular o raciocínio lógico e o desenvolvimento de habilidades dos estudantes e conta com a participação de 614 alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental das unidades das quatro cidades, sendo 163 de Corumbá, 221 de Três Lagoas, 86 de Campo Grande e 144 de Dourados 144.

Segundo a diretora da Escola do Sesi de Corumbá, Mirian Corrêa de Jesus, os 163 alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental foram distribuídos nas equipes Dark Flight, Sucuri Dourada, Guerreiros, Asa Branca, Bico de Ferro e SOS Pantanal, que se sagrou campeã. "Foi uma experiência inesquecível. Espero que tenhamos outros momentos tão importantes como esse. Observar as crianças criando robôs e aprendendo de forma lúdica é muito emocionante", declarou.

 A técnica de educação do Sesi, Juliana de Alencar Nicolau, explicou que o objetivo do campeonato é oferecer aos estudantes um ambiente adequado para a promoção de competências e habilidades, despertando o interesse e o foco na ciência e na tecnologia. "O torneio propicia aos participantes, além do conhecimento tecnológico, valores que os alunos levarão para a vida toda: o trabalho em equipe, a competição amigável e a aprendizagem lúdica", reforçou.

A competição

Durante a competição, os robôs foram programados para executar determinadas atividades, sendo que os alunos tiveram de montá-los utilizando o Lego Zoom, considerada uma metodologia didática que permite a resolução de determinadas situações problemas.

As seis equipes tiveram as funções de elaboração e desenvolvimento do projeto de pesquisa que objetivava responder ao tema gerador do torneio: "Qual o futuro da Aprendizagem?".

Após os alunos serem avaliados nas categorias designer do robô, core values e projeto de pesquisa, eles ainda realizaram a competição na mesa do torneio. Na categoria designer do robô, as equipes projetaram um robô que teria que executar missões na mesa de competição do torneio, enquanto na categoria core values foram analisados se os alunos observaram os valores essenciais do torneio durante a competição (trabalho em equipe, aprendemos juntos, competição amigável, compartilhar experiências e nos divertimos aprendendo) e, na categoria projeto de pesquisa, os juízes avaliadores verificam se as equipes responderam ao tema gerador do torneio ("Qual o futuro da aprendizagem?").

Ao fim dessas etapas, a equipe vencedora foi a SOS Pantanal, que recebeu o Certificado Champion, ou seja, equipe com melhor desempenho na maioria das categorias, além de medalhas.

"Foi um evento grandioso, emocionante que agregou valores e conhecimentos. Tenho de ressaltar que o trabalho em equipe foi fundamental para o sucesso do projeto", avaliou a coordenadora pedagógica do Ensino Médio da Escola do Sesi de Corumbá, Rozenilda Moreira.

Participantes

Na avaliação da aluna Aline Vargas Rojas, que está no 9º ano do Ensino Fundamental da Escola do Sesi de Corumbá e é integrante da equipe vencedora SOS Pantanal, a competição foi inesquecível. "Gostei muito de participar, tivemos muito apoio do professor no desenvolvimento do projeto de pesquisa e trabalhamos em equipe. Aprendemos a ter mais compromisso e a trabalharmos juntos", disse, comemorando a vitória.

Para a aluna Paola Rodrigues Soares, que está no 9º ano do Ensino Fundamental da Escola do Sesi de Corumbá, o torneio foi muito instrutivo e serviu para testar na prática a teoria ensina em sala de aula. "É muito gratificante participar desse torneio, que envolveu os alunos de toda a escola. Durante a competição foi possível perceber o que os meus colegas esperam da educação tecnológica", declarou.

Já a aluna Letícia Marques Silva, que está no 8º ano do Ensino Fundamental da Escola do Sesi de Corumbá, pontuou a ineditismo do torneio no município. "Além de ser a primeira vez que se faz um torneio de robótica em Corumbá, esse evento foi importante para achar novos talentos, trabalhar em equipe, descobrir e aprender coisas novas. Foi maravilhoso", garantiu.