Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 16 de Outubro de 2021

Sidrolandia

TRE realiza recadastramento biométrico em 11 mil eleitores de Bandeirantes e Jaraguari

De acordo com o TRE, os eleitores, que não comparecerem para a revisão biométrica, podem ter o título eleitoral cancelado

MS Record

07 de Agosto de 2013 - 10:41

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Mato Grosso do Sul inicia, no dia 2 de setembro, o recadastramento biométrico de aproximadamente 11 mil eleitores, dos municípios de Bandeirantes e Jaraguari, pertencentes à 34ª Zona Eleitoral.

O processo de recadastramento seguirá até o dia 04 de outubro. De acordo com o TRE, os eleitores, que não comparecerem para a revisão biométrica, podem ter o título eleitoral cancelado.

É necessário que o eleitor compareça ao atendimento biométrico munido de um documento oficial com foto e um comprovante de endereço, expedido nos últimos doze meses. Para os eleitores do sexo masculino, que irão fazer o título pela primeira vez, também é necessária a apresentação do comprovante de quitação com o serviço militar.

O eleitor terá uma amostra de assinatura colhida, será fotografado e terá suas impressões digitais capturadas, para que, dessa forma, vote na nova geração de urnas, projetadas com a finalidade de garantir ainda mais segurança ao processo de votação.

O recadastramento será realizado das 8h às 15h em duas cidades do Estado, Jaraguari, cujo atendimento será realizado na Câmara Municipal, e Bandeirantes onde os eleitores poderão procurar o Cartório Eleitoral.

Como a impressão digital é única, a Justiça Eleitoral alcança, com as novas urnas biométricas, um importante estágio de segurança, reduzindo significantemente a possibilidade de uma pessoa votar por outra.

Em 2008, o município de Fátima do Sul foi escolhido para participar do projeto piloto das urnas biométricas.  Em 2012, foram recadastrados cerca de 55 mil eleitores dos municípios de Camapuã, Jateí, Ribas do Rio Pardo, Sidrolândia e Vicentina.