Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 2 de Dezembro de 2021

Sidrolandia

Unidades ESF´s de Deodápolis buscam regulamentação de atendimento por conta da adesão ao PMAQ

Caso ainda haja a necessidade de sanar alguma duvida, o usuário poderá se dirigir até a unidade de saúde mais próxima de sua residência.

Eliton Santos/Impacto News

20 de Agosto de 2013 - 10:26

Nesta semana a Gerência de saúde emitiu as novas regras de atendimento que serão aplicadas nas unidades de estratégia saúde da família (ESF) de todo o município de Deodápolis. Segundo dados fornecidos a imprensa, a adesão ao Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB) foi realizada em meados de junho deste ano de 2013 e com isto há agora a necessidade de se adequar aos parâmetros do programa, sendo um destes a regionalização do atendimento das unidades.

Segundo a portaria 2.207 de 25 de agosto de 2011, todas as ESF deverão ter responsabilidade sanitária por um território de referencia, de modo que cada usuário seja acompanhado por um ACS (Agente comunitário de saúde), um auxiliar ou técnico de enfermagem, um enfermeiro e um médico generalista ou de família, mantendo o vinculo e a longitudinalidade do cuidado. Isso significa que os atendimentos em cada ESF será feito por setor. Exemplo disto é o ESF Santo Antônio que fica no final da Rua Fanoel do Ouro que atenderá apenas o território que abrange desde o Jardim América e parte do Jardim Europa e imediações.

A ressalva ficara apenas para as famílias que residem na área rural do município e em casos de urgência que serão avaliadas nos ESF. Segundo a Gerência de Saúde os agentes de saúde do município estarão nos próximos dias fornecendo nas residências os cartões da família o que ira expor aos mesmos os ESF que atenderão aos territórios demarcados na adesão ao programa. Caso ainda haja a necessidade de sanar alguma duvida, o usuário poderá se dirigir até a unidade de saúde mais próxima de sua residência.