Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 26 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Waldemar Acosta é atendido com sinalização de Ruas pela Poder Executivo

A Secretaria de Serviços Urbanos informou que inicialmente serão sinalizadas as vias consideradas emergenciais

Marcos Tomé/Região News

10 de Abril de 2011 - 19:45

Waldemar Acosta é atendido com sinalização de Ruas pela Poder Executivo
Waldemar Acosta - Foto: Marcos Tom

O vereador e primeiro secretário, Waldemar Acosta (PDT) foi atendido pelo Prefeito Daltro Fiuza (PMDB) que determinou o setor competente a execução dos serviços de sinalização nas principais vias da cidade. A reivindicação foi aprovada por unanimidade em sessão plenária e encaminhada ao chefe do executivo.

Acosta solicitou ainda a realização de sinalização vertical e horizontal com placas e pinturas no asfalto em todo trânsito do município de Sidrolândia. Em sua justificativa, Waldemar afirmou que tem sido comum registro de acidentes por falta de sinalização nas vias de maior movimento, principalmente em horário de pico.

“O aumento do fluxo de veículos circulando pelas ruas de nosso município tem sido constantes, fator preocupante em virtude da má conservação das placas indicativas de orientação nas vias e falta de sinalização principalmente do PARE, nas ruas onde a parada é obrigatória”, finalizou o vereador.

A Secretaria de Serviços Urbanos informou que inicialmente serão sinalizadas as vias consideradas emergenciais, num segundo momento, a prefeitura deverá contratar empresa especializada para fazer levantamento de todas as vias do município para executar tais serviços de sinalização e orientação no trânsito.

Acosta comemorou iniciativa e parabenizou Fiuza pela atenção dispensada a sua solicitação. “O vereador tem a função de legislar, indicar ou requerer do Poder Executivo aquilo que é representa o anseio da população, porém, o poder de execução é da prefeitura, é o Prefeito que determina se faz ou não, por esta razão, agradeço o atendimento a minha solicitação que se tratou de um assunto de suma importância para os sidrolandenses”, finalizou.