Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 24 de Maio de 2022

Sidrolandia

Zelador é suspeito de abusar das 4 filhas e transmitir DST"s, diz polícia

Ao G1 a delegada Daniela Kades, adjunta da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e o Adolescente (Depca), disse que o mandado de prisão foi decretado na noite anterior

G1 MS

30 de Outubro de 2015 - 15:47

Um zelador de 39 anos foi preso nesta quinta-feira (29), no bairro Universitário, região Sul de Campo Grande, suspeito de abusar das quatro filhas. Os crimes, segundo a Polícia Civil, teriam ocorrido quando as vítimas completavam 11 anos e foram descobertos em 2013, quando as meninas, na época com 12, 13, 15 e 17 anos, contraíram Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST´s).

Ao G1 a delegada Daniela Kades, adjunta da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e o Adolescente (Depca), disse que o mandado de prisão foi decretado na noite anterior e ele foi capturado na residência da mãe. A mãe das vítimas seria conivente com os abusos e vêm sendo procurada desde o ano de 2013, quando a Polícia Civil tomou conhecimento dos fatos.

"Existe desde aquela data um inquérito tramitando na Depca. Foi feito exame de corpo de delito e elas passaram por avaliações psicológicas, que confirmam os estupros. Por medo da 5ª filha de 6 anos sofrer abusos, a polícia entrou com um mandado de prisão preventiva. A mãe era conivente com os atos e estava foragida junto ao marido. Nós fizemos várias buscas para ela prestar depoimento, mas ainda não conseguimos", afirmou a delegada.

O suspeito possui antecedentes por lesão corporal seguida de morte, receptação, estupro, furto e outros crimes. Ele responderá agora pelos estupros, cuja pena mínima varia de seis a dez anos de reclusão.