(67) 3272-6466

 

Noticia de: 26 de Fevereiro de 2011 - 11:12

Em vigor o novo salário para o setor do Vestuário, Tecelagem e Fiação







 

Esta em vigor o novo salário para o setor de Vestuário, Tecelagem e Fiação, a negociação Salarial aconteceu na terça-feira dia 22 de fevereiro em uma convenção coletiva na sede do Sindivest/MS em Campo Grande, onde ficou definido o novo salário da categoria.

Para Auxiliar de Costura, Administração, Estoquista, Conferente, Auxiliar de Expedição, Auxiliar de Tecelagem Ajudante de Contramestre, Auxiliar de Fiação, Serviços Gerais e afins o reajuste foi de  R$ 565,00 (quinhentos e sessenta e cinco reais)

Para Costureira, Cortadeira, Modelista, Serigrafista, Tecelão, Contramestre, Operador de Fiação, Expedição, Mecânico de Maquinas e afins;  R$ 600,00 (seiscentos reais)

Será concebido para a categoria trabalhadora que recebem acima do piso salarial, um reajuste de 4 % (quatro por cento). Referente ás cláusulas sociais será mantido as da Convenção Coletiva anterior, inclusive quanto à data base, fixada em 1º de janeiro.

A Convenção Coletiva foi firmada entre os seguintes sindicatos:


Patronal:
SINDIVEST/MS - Sindicato Intermunicipal das Indústrias do Vestuário, Tecelagem e Fiação de Mato Grosso do Sul
SINDIVESTIL-Sindicato das Indústrias do vestuário, tecelagem e fiação de Três Lagoas

SINVESUL – Sindicato das Empresas do Vestuário Industrial da Região Sul do MS

Laboral:
FTI/MS - Federação dos Trabalhadores nas Indústrias do Estado de Mato Grosso Do Sul
SINTVEST - Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Vestuário de Campo Grande-MS

SINVEST – Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Vestuário, Similares e Derivados de Sidrolândia-MS.












Franciane Trindade/Região News


Reportar Erros



 
 
.
GERAL

Volkswagen toma lugar da Toyota como maior montadora do mundo
SIDROLÂNDIA - MS

Obras de ampliação do PRF são retomadas após três meses de paralisação
CONCURSOS

Começam na quinta-feira inscrições de concurso público do STJ
BRASIL

Mesmo com política de resíduos, 41,6% do lixo tem destino inadequado
 
 
  • Notícias
  • + Lidas

1

Promotor denuncia David por pagar empresa de fachada e dar propina para emissão de nota fria de serviço

Leia mais


2

Motorista morto em acidente estava no primeiro dia de trabalho

Leia mais


3

Fraude em medição fez asfalto de R$ 54,9 milhões virar farelo

Leia mais


4

Obras de ampliação do PRF são retomadas após três meses de paralisação

Leia mais


5

Começam na quinta-feira inscrições de concurso público do STJ

Leia mais








© Regiao News - Todos os Direitos Reservados.
contato@regiaonews.com.br
+ 55 67 3272 6466
Desenvolvido por:
MD-WEBMARKETING