Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 19 de Outubro de 2021

Economia

Agricultores familiares apostam em produção hidropônica em MS

Os dois construíram a horta de alface há pouco mais de um ano e investiram cerca de R$ 3 mil, mas a produção já supera as expectativas.

G1 MS

19 de Agosto de 2013 - 07:25

Agricultores familiares de um assentamento em Corumbá, a 444 quilômetros de Campo Grande, estão apostando na produção de alface hidropônico, cultivado sem o uso de solo. Reportagem do MS Rural deste domingo (18) mostrou que Cleuza e Aldo Morceli estão animados com a colheita das primeiras hortaliças produzidas nesse sistema. Os dois construíram a horta de alface há pouco mais de um ano e investiram cerca de R$ 3 mil, mas a produção já supera as expectativas.

Para garantir a qualidade dos produtos, os cuidados com a horta são mais específicos. Na hidroponia, as plantas são cultivadas sem solo, por meio de uma solução nutritiva adicionada na água, as raízes crescem em pequenos pedaços de espuma. Nesse sistema, também é preciso ficar atento às pequenas pragas que podem causar danos a produção.

Cerca de 50 dias depois do início da produção, os pés de alface estão vistosos e prontos para serem comercializados. Uma das principais vantagens do cultivo hidropônico é a regularidade da produção, pois quase nenhuma verdura é perdida.

A família comercializa 200 pés por semana. O cultivo dos hidropônicos não exige tanta mão de obra, já que dispensa o manejo com o solo. Outra vantagem é baixo custo com o uso de defensivos. O engenheiro agrônomo Lúcio Gabriel explica que o controle de algumas pragas pode ser feito até mesmo com soluções caseiras. Uma delas é feita com semente de pimenta com álcool, que pode ser borrifada.

Apesar de ter baixa incidência de doenças, a falta de cuidados nesse tipo de cultivo pode ser uma ameaça à produtividade do sistema. Segundo pesquisadores da Embrapa Hortaliças, existem fungos e bactérias que precisam de muita água para se desenvolver, por isso encontram um ambiente favorável no sistema fechado. As doenças variam de acordo com a cultura. Para evitá-las, o produtor deve tomar uma série de medidas que vão desde as práticas sanitárias até a escolha de cultivares adequadas.