Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 27 de Outubro de 2021

Economia

Bovespa sobe quase 1% e fecha acima dos 69 mil pontos

As ações das blue chips Vale PNA caíram 0,55% nesta sexta-feira, fechando a R$ 47,13; e as da Petrobras PN subiram 0,81%, aos R$ 28,74.

G1

01 de Abril de 2011 - 17:29

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) engatou a quarta valorização seguida nesta sexta-feira (1º) e retomou o patamar dos 69 mil pontos.

O principal índice do mercado acionário brasileiro fechou em alta de 0,99%, aos 69.268 pontos. Este é o maior patamar de fechamento desde o dia 24 de janeiro, quando o Ibovespa atingiu 69.426 pontos. O volume financeiro atingiu R$ 6,79 bilhões.

Na semana, o Ibovespa subiu 2,22%; com os resultados recentes, o índice conseguiu praticamente anular a desvalorização que acumulava ao longo do ano. Agora, a queda está em apenas 0,05%.

Dentro da carteira do Ibovespa, as ações da Rossi Residencial ON tiveram a maior alta do dia, com 5,58% de valorização, aos R$ 14,37; os papéis da LLX Logística ON subiram 4,37%, aos R$ 5,25; e os das Lojas Renner ON apuraram valorização de 3,99%, para R$ 55,00.

Entre as principais quedas do pregão estão duas empresas do bilionário Eike Batista - que também é proprietário da LLX Logística. As ações da MMX Mineração ON recuaram 1,75%, para R$ 10,08; e as da OGX Petróleo caíram 1,53%, aos R$ 19,35. Os papéis da Tim Participações ON também tiveram perdas de 1,31%, aos R$ 8,27.

As ações das blue chips Vale PNA caíram 0,55% nesta sexta-feira, fechando a R$ 47,13; e as da Petrobras PN subiram 0,81%, aos R$ 28,74.