Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 18 de Setembro de 2021

Economia

Dólar segue avançando nesta quarta-feira, após alta na véspera

Na terça-feira, o dólar anulou a queda do começo do dia e fechou em alta ante o real, interrompendo uma sequência de seis quedas. O dólar avançou 0,18%, a R$ 2,2820 na venda.

G1

11 de Setembro de 2013 - 14:50

O dólar comercial opera em alta nesta quarta-feira (11), depois de ter encerrado na véspera uma série de seis quedas, num cenário externo de menor tensão quanto a um ataque iminente contra a Síria mas em contagem regressiva sobre a decisão do Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos.

Perto das 14h20 (horário de Brasília), a moeda norte-americana avançava 0,32%, para R$ 2,2893 para a venda.  Na véspera, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prometeu analisar uma iniciativa diplomática oferecida pela Rússia para o impasse envolvendo as armas químicas da Síria e pediu ao Senado para adiar a votação sobre a autorização para usar a força militar na Síria a fim de dar tempo à diplomacia.

Nesta quarta-feira, o Banco Central fez mais um leilão de swap cambial tradicional – equivalente à venda de dólares no mercado futuro –, como parte de seu programa de intervenções diárias no mercado de câmbio até o final do ano.

Na terça-feira, o dólar anulou a queda do começo do dia e fechou em alta ante o real, interrompendo uma sequência de seis quedas. O dólar avançou 0,18%, a R$ 2,2820 na venda.

Nesta quarta-feira, o Banco Central informou que US$ 2,14 bilhões deixaram o país na última semana. Em agosto, outros US$ 5,85 bilhões já haviam sido retirados do Brasil - o maior valor deste ano.

No acumulado de janeiro a 6 de setembro, ainda há mais entrada que saída de dólares na economia brasileira. Neste período, foi contabilizado o ingresso de somente US$ 97 milhões na economia brasileira. Isso representa uma queda expressiva a igual período do ano passado – quando a entrada de divisas no país somou US$ 23,42 bilhões.